Oi impressiona com tráfego de 4,27 terabytes em evento esportivo

Operadora montou ampla estrutura para atender o Circuito Mundial de Surfe no Rio de Janeiro. Os resultados impressionam.

Imagem: Divulgação Oi

Terminou na última segunda-feira, 24, o Circuito Mundial de Surfe. Nele, a Oi criou uma grande estrutura para fornecer rede de telecom e TI na etapa brasileira, o Oi Rio Pro. Os resultados são de impressionar, a empresa registrou um tráfego de 4,27 terabytes, de acordo com as informações do Convergência Digital.

A sólida entrega do serviço mostra que a Oi está empenhada para se livrar de qualquer reputação negativa que já teve.

O volume corresponde a 1.099.606 imagens de alta resolução, um aumento de 20% em relação ao que foi registrado no ano anterior. No evento, foi disponibilizada a conexão Wi-Fi para o público, com o registro de mais de 300 mil dispositivos no uso.

VOCÊ VIU?
– Oi Fibra amplia vantagem em ranking de velocidade da Netflix
– TV por assinatura encolhendo
– Huawei promete altos investimentos no 5G

No comparativo com o ano passado, o aumento é superior a 40% na utilização de redes Wi-Fi. Entretanto, a cobertura móvel também foi reforçada pela operadora, que instalou antenas e equipamentos extras. Ao todo, foram sete quilômetros de cabos de fibra ótica para suportar o evento.

Atualmente, a oferta da Oi inclui serviços de telefonia fixa e móvel, além de conexões residenciais e TV por assinatura com fibra ótica. A operadora ainda oferece o Oi Play como novidade para os assinantes, serviço de conteúdo digital para concorrer com o NET Now e SKY Play. A empresa vive uma das maiores recuperações judiciais da história desde 2016, quando entrou com o pedido, que logo foi aceito pela Justiça.

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários