sexta-feira, 22 de junho de 2018

Operadoras têm 30 dias para retirar equipamento após cancelamento

O que você achou? 
Veja o que fazer quando aparelhos não são retirados após encerramento dos serviços de TV por assinatura e internet.

Quando o cancelamento do serviço de TV por assinatura ou internet é solicitado, as operadoras devem agendar uma data para a retirada do equipamento na residência do cliente. No entanto, muitas empresas acabam não realizando esse agendamento e o equipamento permanece na casa do consumidor.

Também há relatos em que o agendamento é realizado, mas os técnicos não aparecem no dia combinado.



Em sites como o Reclame Aqui, clientes relatam que já perderam dia de trabalho esperando por técnicos de operadoras que não apareceram. 

A preocupação dos usuários é de que a permanência dos aparelhos em suas residências gere cobranças posteriores das empresas. 

No entanto, o que muitos consumidores não sabem é que o artigo 19, §§ 5º a 8º, da Resolução nº 488/2007, da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), determina que a prestadora deve providenciar a retirada dos equipamentos, em data acordada com o consumidor e no endereço do assinante, não podendo exceder a 30 dias contados da solicitação de desativação do serviço.

LEIA TAMBÉM:


Sendo assim, durante o período em que estiver de posse dos equipamentos, o consumidor é o responsável por manter a guarda e integridade destes. 

Porém, caso a empresa não recolha o equipamento em 30 dias, a responsabilidade não será mais do consumidor. 

A retirada pode ser realizada tanto pela própria prestadora quanto por um serviço autorizado. 

A empresa não pode cobrar para retirar os equipamentos e o consumidor pode optar por entregar os aparelhos em local indicado pela prestadora.

Independentemente de qual opção seja escolhida pelo cliente, a operadora deve fornecer um recibo declarando o estado dos aparelhos.

Caso tenha problemas para conseguir se desfazer dos aparelhos da sua antiga TV por assinatura, fique atento ao prazo e argumente sobre até onde vai sua responsabilidade.

Faça também uma reclamação no canal Reclame ou ligue para o Serviço de Defesa do Consumidor pelos números 0800 282 2204 (de telefone fixo) ou 4003-3907 (de fixo ou celular).



Nenhum comentário:

Postar um comentário