TIM quer negociar TAC com Anatel até junho

Operadora não se intimidou com o fracasso das negociações entre a agência e suas concorrentes Oi e Vivo.


A TIM quer negociar um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para converter multas em investimentos no setor. A operadora acredita que a negociação possa evoluir no mês de junho.


O fracasso nas discussões entre a agência com as empresas Oi e Vivo não desanimaram a TIM de tentar um acordo. Por ter uma dívida menor que a das concorrentes, a TIM acredita que terá mais sucesso nas negociações com o órgão regulador.


Os TACs são mecanismos que autorizam a troca de multas recebidas pelas operadoras pelo descumprimento de metas da Anatel por investimentos em áreas escolhidas pela agência. 


LEIA TAMBÉM:



O termo da Telefônica foi um dos primeiros a ser negociados e previa que operadora trocasse R$ 3,2 bilhões em multas que devia a Anatel por R$ 5,4 bilhões em investimentos em cidades de todo o país, inclusive locais considerados de retorno negativo. 

Os aportes seriam todos feitos na expansão de redes de fibra óptica em 105 municípios. No entanto, a empresa queria fazer uma nova proposta com valores mais baixos de investimentos, já que muitas multas da operadora estão para vencer.

Em março, a Anatel anunciou que não iria mais negociar com a proprietária da marca Vivo, alegando que o prazo já havia se esgotado. 

Deixe um comentário

avatar
  Cadastre-se  
Notificação de