terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Claro e NET têm planos de aumentar 4.5G, antenas e parcerias no Norte

O que você achou? 
Mais de 300 antenas serão instaladas na região em 2018.

A Claro Brasil continua seguindo sua estratégia anunciada no início do ano: ampliar o 4.5G. E para levar a tecnologia para clientes da região Norte, mais de 300 antenas devem ser instaladas na região neste ano, conforme informou na última sexta-feira (9) o diretor regional Norte da NET, Roberto Lazcano, na Rede Calderaro de Comunicação (RCC), em Manaus.

O 4.5G permite que os usuários alcancem velocidades 10 vezes mais rápidas no smartphone do que conseguem com o 4G convencional. Por enquanto, 140 cidades brasileiras já têm a tecnologia, incluindo Rio Branco (Acre), Manaus (Amazonas), São Luís (Maranhão), Belém (Pará), Porto Velho (Rondônia) e Palmas (Tocantins).





“Também estamos colocando mais fibra óptica para todo o Norte, o que vai nos permitir uma comunicação muito mais rápida com todo o Brasil”, disse Lazcano. Hoje, na região, há 4.500 km de fibra óptica e 500 antenas de celular.

LEIA TAMBÉM:

Mais uma pretensão para a região Norte é aumentar o número de parceiros para vender os produtos e serviços da NET. Segundo Lazcano, o portfólio inclui televisão por assinatura, banda larga, telefone fixo e móvel, fazendo com que a meta para 2018 seja lançar esse portfólio para os empresários que possam fazer parte do negócio.

“Estamos procurando investidores com perfil de liderança e capacidade empreendedora. De nossa parte, damos todo o suporte necessário e modelo de remuneração diferenciados”, afirmou.

O ano de 2018, assim como 2017, para a NET, é de expansão de clientes na região Norte. Com a diferença de ser um período mais tranquilo do que foi o ano passado, com a crise econômica.


5 comentários:

  1. Bah! Moro no Flamengo, bairro nobre do Rio, e de frente. Sinal da claro péssimo. As outras, tim, vivo, oi, nextel, sinal no máximo.
    Na região serrana do Espírito Santo, cidades de Marechal Floriano, e Domingos Martins, temos 4G da Tim até em área rural, enquanto a última torre da claro data de 2009 e 2004

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. https://sistemas.anatel.gov.br/stel/consultas/ListaEstacoesLocalidade/tela.asp?pNumServico=010

      Excluir
  2. Moro na região da paulista e o 4,5G é inexistente. Nem a qualidade de sinal melhorou como eles alegam nas propagandas. Tudo mentira.

    ResponderExcluir
  3. 4.5G é na realidade um engana besta . Já estamos vendo testes 5G . Prefiro fazer um investimento quando o 5G estiver disponível .

    ResponderExcluir
  4. Tá parecendo o governo brasileiro mandando dinheiro pra acabar com a fome na Africa como se a fome no Brasil estivesse resolvida, assim está a Claro, cheia de buraco na cobertura na principal região do Brasil (São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo)e quer fazer graça na região norte só pra fazer markenting, pois na realidade depois que ficar pronto o tal projeto no norte, faltará muito pra chegar no patamar de "regular" ou " mais ou menos",investem rios de dinheiro em propaganda, mas em cobertura deixam ( e muito) a desejar.

    ResponderExcluir

Ao deixar a sua opinião no Minha Operadora você concorda em respeitar o nosso Código de Conduta.