InícioNotíciasBrasil assina acordo internacional para implantação do 5G

Brasil assina acordo internacional para implantação do 5G

Acordo assinado pelo grupo Projeto 5G Brasil teve participação massiva de grandes potências.

Foi dada a largada para que a tecnologia 5G seja plenamente desenvolvida e trazida para terras brasileiras. Em um acordo internacional de cooperação tecnológica, o Brasil garantiu que irá fazer a sua parte para o desenvolvimento da tecnologia, junto com Estados Unidos, Coréia do Sul, Japão, China e União Europeia.

Dessa maneira, são vários especialistas de todos os cantos do globo trabalhando para garantir que a tecnologia 5G seja consistente, facilmente aplicável e com um prazo curto para implantação depois de desenvolvida. A comunicação e troca de informações para o desenvolvimento entre os países é um grande passo para que, mais do que tornar possível a criação do 5G, permita que a tecnologia também seja implantada primeiro nos países que fazem parte desse acordo.

O que o Brasil tem a oferecer?


O diretor de Tecnologia da GSMA, Alexandro Abramovitiz, concedeu uma entrevista para falar sobre o assunto. Em estudos realizados por aqui, chegou-se a conclusão de que faixas de 1,5 GHz, a banda L, e o próprio 700 MHz, são faixas de espectro com grande potencial para que o 5G possa ser implantado.

“O espectro é um bem escasso, que exige padronização e estamos trabalhando para que ela aconteça de forma global. Mas o 700 MHz, usado para o 4G, com a liberação do espectro, será sim bastante atrativo também para o 5G” afirmou o diretor, durante a 17ª Rio Wireless, no Rio de Janeiro.

Atualmente, a telefonia móvel representa 5% da receita gerada pelo PIB (Produto Interno Bruto) da América Latina, de acordo com a própria GSMA. Com a participação do Brasil no desenvolvimento da tecnologia 5G, além da geração de empregos, a contribuição para aumento da receita do PIB tende a ser maior.

LEIA TAMBÉM:

Redação Minha Operadorahttps://plus.google.com/112581444411250449571
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários