InícioNotíciasPoste sustentado por vergalhões assusta moradores

Poste sustentado por vergalhões assusta moradores

A situação de um poste da Oi está deixando os moradores da rua General Guaraná, no bairro Jucutuquara, em Vitória – ES, preocupados. A base da estrutura está danificada e sustentada apenas por vergalhões em más condições. De acordo com a moradora do local, Nábila Gomes, o que provocou o dano foi a colisão de um veículo com o poste. A Oi informou que vai enviar uma equipe de técnicos para analisar o problema e que a substituição do poste será providenciada.

De acordo com a moradora, o maior medo dos moradores é o risco de queda que a estrutura oferece, principalmente por conta das fortes chuvas dos últimos dias. “O risco de queda é iminente. O poste se localiza próximo à residências, correndo o risco de cair sobre algumas casas da rua e, na pior das hipóteses, ainda podendo atingir algum pedestre”, disse Nábila Gomes.

A moradora ainda explicou que ela e alguns vizinhos já tentaram falar Oi por várias vezes, mas o problema não foi solucionado. “Na primeira vez, disseram que enviaram um técnico para avaliar a situação, mas que a ordem de serviço havia sido suspensa. Em outra oportunidade, falaram que uma equipe verificaria o problema em até 48 horas, mas nada foi feito. Já em outro dia, a atendente disse apenas que ‘esse não e o primeiro poste no Brasil que se encontra nessas condições, paciência'”, relatou Nábila.
A operadora esclareceu ao nosso portal por telefone, que assim que os técnicos verificarem a situação do poste, com relação à estrutura danificada e à questão das ligações de energia da rua, a substituição será providenciada. Sobre o caso, a prefeitura de Vitória ainda se comprometeu em notificar a empresa para resolver o problema.

Redação Minha Operadorahttps://plus.google.com/112581444411250449571
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários