segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

TIM começa instalação dos 500 biosites em São Paulo

O que você achou? 
Diferencial do biosite é conseguir melhorar a cobertura sem precisar afetar a paisagem, como os postes convencionais de rede.


A TIM já havia antecipado que, entre seus objetivos para os próximos anos, estaria o lançamento de 500 biosites na cidade de São Paulo, resultado de uma parceria de cinco anos com a prefeitura. A operadora já começou o processo e instalou, na última semana, biosites em duas praças da capital paulista.

O biosite é um modelo sustentável de antena criado pela TIM para ampliar a cobertura de rede e substituir o poste convencional. A ideia é não agredir a paisagem e reduzir o impacto visual ao mesmo tempo em que se melhora a qualidade no serviço de dados, uma vez que os biosites são livres de qualquer fio e capazes ainda de convergir com câmeras de segurança, iluminação pública e transmissão de telecomunicações.




A tecnologia também é definida de acordo com as necessidades da prefeitura. Ela acaba de ser instalada na Praça Cidade de Milão, próxima ao Parque do Ibirapuera, e a Praça Ramos de Azevedo, na região central de São Paulo. 

O espaço físico exigido para a estrutura da antena é muito menor com os biosites, e a estrutura camufla antenas de rede da operadora, de forma a contribuir na melhora da cobertura, sem afetar a paisagem urbana da cidade.

A instalação faz parte do projeto Italia Per Sao Paolo, idealizado pela ITA (Italian Trade Agency) e pelo Consulado Geral da Itália, com o apoio da Prefeitura da capital paulista, para revitalizar praças importantes da região.

LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário