TAC da Vivo é alterado e beneficiará 624 municípios

Anatel divulga mudanças do termo, que prevê investimento de R$ 5,5 bilhões e novos compromissos para atender ao Tribunal de Contas da União.

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou, na última sexta-feira (15), os ajustes do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) da Telefônica (Vivo), que irá beneficiar 624 municípios do Brasil. Em coletiva, o superintendente de Controle de Obrigações, Osmar Bernardes, afirmou que o TAC atende a todas as determinações do Tribunal de Contas da União (TCU).


Serão 44 compromissos firmados entre a empresa e a agência em troca de multas aplicadas. Do total, 36% serão sobre direitos e garantias do usuário, 30% de fiscalização, 16% de qualidade, 9% de universalização, 7% de ampliação do acesso e 2% de compromisso adicional de fibra óptica. Para atender aos termos, a previsão é que a Telefônica invista R$ 5,5 bilhões.









O termo também exige que 100% das metas de qualidade sejam atendidas, que a empresa aumente os serviços de telefonia móvel e fixa em até 24 meses depois da celebração do TAC, que reduza o número de reclamações na Anatel de 0,72 para 0,6, melhore os sistemas de atendimento e aplicativos e regularize o licenciamento de estações em 36 meses. Caso as obrigações não sejam cumpridas, a empresa será multada.



Quanto aos municípios beneficiados pelo TAC, serão 152 novos com acesso ao 4G, 39 que deixarão o 2G para alcançar o 3G, 144 com ampliação do Serviço Móvel Pessoal, 145 ainda receberão a ampliação da capacidade móvel, 105 com a ultra banda larga de alta velocidade e assim por diante. No total, serão 907 projetos.
O TAC deverá ter parecer jurídico da Procuradoria Federal Especializada e da Anatel no dia 15 de fevereiro de 2018, sendo enviado para deliberação do Conselho Diretor no dia 28. A ideia é que os investimentos no acordo de troca de multas atendam todas as classes sociais e municípios diferentes, e não apenas os mais rentáveis para a operadora.
LEIA TAMBÉM:

COMPARTILHAR EM:

COMENTÁRIOS MAIS BEM AVALIADOS DO MÊS

55

Banco Inter vai distribuir gratuitamente 7 mil chips da Intercel

é um chip degustação, esperava o que? rs
  • 01/07/2020 by Luiz Carvalho

48

Banco Inter vai distribuir gratuitamente 7 mil chips da Intercel

dados atualmente não são problemas para as grandes operadoras, e mesmo assim, mta gente não se sente satisfeito, pois a escolha depende de outros fatores tbm. Ex: Oi oferece pacotes gigantescos de dados e sinal ruim…outras não se sentem bem atendidos, ou enfrentam problemas diversos…esses dias o vivo easy prime deu um BO impedindo que fosse realizado chamadas, Claro Flex tem um plano maravilhoso e um aplicativo péssimo…todas tem prós e contras, e cada consumidor tem uma medida do que é mais importante pra si mesmo.
  • 01/07/2020 by Luiz Carvalho

42

Consumidor presta queixa contra comercial de Vivo Fibra

Meu deus do céu. Esse povo tá chato demais. Essa geração mi-mi-mi tá um saco.
  • 20/06/2020 by Tauan Fontoura

36

‘TIM Beta’ e ‘TIM Pré’ vão perder alguns benefícios

A Tim só tem um pouco mais de vantagem no pré pago, devido ter Facebook Twitter e Messenger e whatsapp, agora se começar a regular uso, com certeza a Claro vai ser o melhor plano. Tenho e não troco por nenhuma.
  • 02/07/2020 by Roberto Ramos

36

‘TIM Beta’ e ‘TIM Pré’ vão perder alguns benefícios

O TIM Black e os planos controle também sofreram essas medidas. Isso vai fazer a Claro roubar os clientes da TIM.
  • 02/07/2020 by Jefferson Rodrigues

COMENTÁRIOS RECENTES DE TODO O SITE

Acompanhar esta matéria
Notificação de
5 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
alan

vocês tem esse tac??? poderiam enviar o link do documento???

Anônimo
Geovane Chagas

E lá se vai a esperança de mais uma operadora chegar e tirar a “exclusividade” do Oi Velox da minha cidade. Infelizmente, poucas cidades serão contempladas com o FTTH

Unknown

E qual a ordem das cidades ou os serviços serão feitos em várias cidades simultâneas

AmyntasScoutHeli brasil

E qual a ordem das cidades ou os serviços serão feitos em várias cidades simultâneas