quarta-feira, 26 de julho de 2017

Lucro da Telefônica Vivo é 24,8% maior no segundo trimestre

O que você achou? 
Telefônica Brasil obteve um lucro líquido de R$ 872,9 milhões, um crescimento de 24,8% em comparação com o 2° trimestre do ano passado.

A Telefônica/Vivo divulgou, na manhã desta quarta-feira, 26, o balanço financeiro e operacional da empresa no 2° trimestre de 2017. Nesse período, a empresa registrou um crescimento de receita em razão da boa performance em dados móveis e ultra banda larga fixa. A companhia obteve um lucro líquido de R$ 872,9 milhões, resultado 24,8% superior em comparação com o segundo trimestre do ano passado.

A receita operacional líquida de serviços da Vivo cresceu 2,3% em comparação ao mesmo período do ano passado, enquanto os custos operacionais recorrentes tiveram uma queda anual de 0,6%.

O chefe financeiro da Telefônica Brasil, David Melcon, afirmou que a companhia deu continuidade ao processo de redução de custos, transformação digital e eficiência operacional, o que resultou na aceleração da implementação da tecnologia 4G e de redes de fibra no país.

Com isso, o EBITDA recorrente (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) chegou a R$ 3,5 bilhões no período, um crescimento de 6,9%, enquanto a margem do EBITDA recorrente bateu os 33%, 1,6 ponto percentual maior que o mesmo período do ano passado.

Melcon afirmou que o fluxo de caixa operacional da Vivo atingiu R$ 3,9 bilhões no semestre, 17,6% acima do comparativo anual da companhia.

No período, a operadora investiu R$ 1,8 bilhão e priorizou o aumento de cobertura 4G, chegando a 657 novas cidades no Brasil, um total de 961 novos municípios atendidos no primeiro semestre desse ano.

A expansão da rede de fibra com tecnologia FTTH (entrega de sinal por meio de fibra óptica, desde a central de rede até o computador do usuário) foi lançada em cinco novas cidades: Volta Redonda e Barra Mansa, no Rio de Janeiro; Avaré, Campo Limpo Paulista e Lençóis Paulista, em São Paulo. Após o lançamento da rede FTTH, a empresa teve um aumento de 8,5% no número de clientes de ultra banda larga fixano segundo trimestre.

Eduardo Navarro, presidente da empresa, afirmou que a companhia vem investindo na qualidade de sua rede e, como resultado, o total de acessos em junho cresceu, chegando a 97,6 milhões.

LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário