06/04/2024

Brisanet reporta alta de 44% no lucro líquido no 3º trimestre de 2023

De acordo com a empresa, houve um recuo no investimento de 55,2%. O Capex foi de R$ 331,7 milhões, de janeiro a setembro deste ano.

A Brisanet divulgou seus resultados financeiros referente ao terceiro trimestre do ano, onde reportou um lucro líquido de R$ 31,7 milhões, representando uma alta de 44% em relação ao mesmo período do ano passado, que foi de R$ 22 milhões. A receita líquida da empresa foi de R$ 310,5 milhões, uma alta de 22%.

O crescimento na receita operacional líquida, segundo a empresa, é resultado da contínua expansão geográfica da Brisanet que, no 3T23, adicionou à sua base 47 mil clientes de forma orgânica.

“Isso se deu principalmente em função do aumento do número de assinantes – que se ampliou em 21% entre os períodos – e do aumento das receitas B2B”, informou.

O Ebitda Ajustado foi de R$ 149,6 milhões com margem de 47,9%, apontando para um crescimento de 26% em relação ao EBITDA do 3T22, evidenciando a melhoria de margem das operações de FTTH, mesmo sendo um pouco impactadas pelo início da operação móvel (4G/5G). A empresa salientou que o indicador foi impactado por um ajuste decorrente do reconhecimento de uma dívida tributária relativa ao Fundo Estadual de Combate à Pobreza (Fecop).

O Capex no período foi de R$ 331,7 milhões, um recuo no investimento de 55,2%, ante R$ 741 milhões nos nove primeiros meses de 2022. Esse valor leva em conta, ativos imobilizados e intangíveis. O balanço ainda mostra que a Brisanet fechou o terceiro trimestre com uma dívida líquida de R$ 738 milhões, montante 0,8% inferior ao apurado há um ano (R$ 743,8 milhões).

Quanto ao fluxo de caixa, a Brisanet gerou de caixa operacional um volume 77% maior do que o mesmo trimestre do ano anterior e 49% maior do que a geração do 2T23. A geração operacional de caixa foi de R$ 209,3 milhões neste trimestre, bem superior ao EBITDA do período.

Operacional

No terceiro trimestre do ano, a Brisanet teve adições líquidas de mais de 10 mil clientes, atendendo, assim, a um total de 1.267.161 clientes com banda larga fixa. Foram adicionadas 211 mil casas passadas (HPs, na sigla em inglês). de HPs e 1,256 milhão de assinantes. Em termos percentuais, a base de clientes, na comparação anual, cresceu 21%. Em termos percentuais, a base de clientes, na comparação anual, cresceu 21%.

A empresa ganhou 10,4 mil acessos em outubro, totalizando 1,267 milhão, e obteve 28% de market share em fibra óptica em sete dos nove estados do Nordeste. Essa é a região com o maior percentual de clientes em fibra óptica do país, com 80% do total de banda larga fixa nessa tecnologia.

Brisanet e o 5G

No período em questão, a telecom iniciou a comercialização do serviço de rede móvel (4G e 5G) na Região Nordeste. O lançamento do novo serviço faz parte do compromisso contínuo da Empresa em oferecer serviços de alta qualidade e avançadas tecnologias de comunicação para a população.

Vale destacar que a Brisanet tem uma forte presença no Nordeste, sendo líder mercado de banda larga na região, resultado de um investimento sólido e estratégico na construção da sua infraestrutura. A companhia detinha 37,4 mil km de infraestrutura de backbone e 61,5 mil km de cabos FTTH lançados, no final do terceiro trimestre de 2023.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários