19/07/2024

Padtec fornecerá infraestrutura para rede submarina de Belém a Fortaleza

Padtec foi a escolhida pela Global Fiber para cuidar da infraestrutura de conectividade submarina entre Fortaleza de Belém.

A Global Fiber, uma empresa especializada em serviços de telecomunicações utilizando fibra óptica e presente no mercado peruano e brasileiro, escolheu a Padtec e a Satelital como principais fornecedoras para implementar uma solução submarina. Essa solução será utilizada para construir uma rede festoon, que conectará as capitais Belém (PA) e Fortaleza (CE) no Brasil.

Uma rede festoon é um tipo específico de infraestrutura submarina projetada para interligar diversos pontos ao longo da costa, sem a necessidade de amplificação de sinal em pontos intermediários.

Este tipo de rede é ideal para estender a conectividade entre localidades costeiras distantes de maneira eficiente e robusta, utilizando a tecnologia de fibra óptica para garantir alta velocidade e confiabilidade na transmissão de dados.

Para a Global Fiber, o projeto possui um significado crucial devido ao seu potencial para diminuir a latência na região. A empresa é responsável por uma extensa rede de fibra óptica que cobre todo o Peru e está expandindo com uma rede subfluvial no Rio Amazonas. Esta infraestrutura vai conectar diversas localidades, como Iquitos e Santa Rosa de Yaraví no Peru, Leticia na Colômbia, e Tabatinga no Brasil.

O CEO da Global Fiber, Obed Dionisio, destaca que ao apoiar a construção do trecho Belém-Fortaleza no âmbito do projeto Lima-Fortaleza, a empresa contribui significativamente para reduzir as lacunas digitais em áreas remotas. Isso promoverá uma comunicação de alta qualidade para todas as regiões da Amazônia, fortalecendo a conectividade na América Latina como um todo.

 “Ao apoiar a construção do trecho Belém- Fortaleza, dentro do projeto Lima-Fortaleza, a Global Fiber contribui para a redução das lacunas digitais em locais de difícil acesso, o que proporcionará a todas as áreas da Amazônia uma comunicação de qualidade e uma América Latina mais conectada”.

A Padtec e a Satelital liderarão a construção da primeira rede festoon da Global Fiber no Brasil. Manuel Andrade, CEO da Padtec North America e diretor de Operações Internacionais, destaca que a Padtec está voltando ao mercado de sistemas submarinos e subfluviais com o projeto do trecho Belém-Fortaleza, previsto para operar até o final de 2025. Essa iniciativa amplia a experiência da Padtec na implementação de redes submarinas com essas especificidades.

“Com o trecho Belém-Fortaleza, que deverá entrar em operação no final de 2025, a Padtec amplia sua experiência na implantação de redes submarinas com essas características”.

Rocío Castilla, CEO do Grupo Satelital, enfatiza que o projeto é crucial para a empresa, pois ao oferecer acesso à internet de qualidade a milhares de pessoas, terá um impacto significativo no desenvolvimento social, econômico e educacional da região.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários