19/05/2024

WiFi Livre SP: Prefeitura quer instalar 5 mil pontos em comunidades/favelas

Segundo chamamento público, serão contempladas comunidades da Zona Leste, Oeste, Norte e Sul com 1250 pontos de internet pública cada.

Nesta sexta-feira (05), por meio da Secretaria Municipal de Inovação e Tecnologia, o município de São Paulo lançou um chamamento público com vistas à seleção de propostas para a celebração de parceria, na forma de termo de colaboração, para a implementação de cinco mil pontos de internet pública, por meio do WiFi Livre SP.

Imagem: paginadarachel

Os pontos de conectividade estão no âmbito do programa WiFi Livre SP, que deverão ser instalados em comunidades/favelas localizadas em todas as regiões do município de São Paulo.

O documento aponta que os interessados na parceria vão realizar “propostas conforme Plano de Trabalho, e será responsável por mapear as favelas e pontos, implantar, operar e realizar manutenções, quando necessário, dos equipamentos e gerenciar os “links” e os acessos em espaços públicos e/ou espaços comunitários para permitir a conexão da população à rede mundial de computadores”.

Além disso, será responsável pela implantação de toda a estrutura necessária para implementar os pontos e links de internet oferecidos, assim como a sua manutenção. Essa parte poderá ser feita por outra empresa contratada para tal. A estrutura implementada pela empresa, deverá permitir o acesso do sinal de Wi-Fi em pelo menos 75% da área comum da comunidade, ou seja, corredores e áreas de convivência.

Os pontos de acesso para cada uma das comunidades mapeadas, deverão respeitar os valores mínimos de 1250 pontos nas comunidades da Zona Leste; 1250 pontos nas comunidades da Zona Oeste; 1250 pontos nas comunidades da Zona Norte; 1250 pontos nas comunidades da Zona Sul

Além disso, a capacidade de usuários simultâneos projetados para a infraestrutura, sendo o mínimo superior a 100; com largura de banda total com o mínimo de 100 Mbps, e velocidade de acesso por usuário de no mínimo 1 Mbps.

Sobre o WiFi Livre São Paulo

De acordo com a Prefeitura de São Paulo, o programa de conectividade foi criado com o objetivo de promover a inclusão digital e social por meio do acesso à internet. Atualmente, a cidade conta com mais de mil locais com WiFi gratuito, livres e seguros.

Ano passado, em uma parceria com a SME, foram instalados 329 novos pontos, presentes nas secretarias de escolas municipais de ensino fundamental. Além disso, para 2024 estão previstas parcerias com o terceiro setor, visando a ampliação dos pontos.

Apenas em 2023, foram mais de 16 milhões de acessos em praças, CEUs, bibliotecas públicas, pontos de ônibus, postos de saúde, Telecentros, clubes desportivos, teatros e pontos turísticos da cidade, sempre com prioridade para regiões fora do centro e em situação de vulnerabilidade social.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários