São Paulo pretende disponibilizar 20 mil pontos de Wi-Fi gratuito até 2024

Capital paulista já conta com 1.088 pontos de acesso à internet. Novo edital está sob consulta pública.

Imagem: Fabio Arantes/Secom

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Inovação e Tecnologia (SMIT) publicou uma consulta pública sobre o edital para a expansão do programa “WiFi Livre SP“, que disponibiliza pontos de acesso à internet gratuita para a população. A ideia é ofertar 20 mil pontos de Wi-Fi até o ano de 2024.

Atualmente, a capital paulista conta com 1.088 pontos, disponibilizando a conectividade para regiões da cidade que tem maior vulnerabilidade social. O programa existe desde 2017, e a ideia é promover a inclusão digital dos paulistanos.

O edital busca credenciar pessoas jurídicas interessadas em fornecer a conexão à internet, com os pontos sendo implantados em equipamentos e serviços públicos municipais, incluindo a frota de ônibus. Em troca do acesso gratuito, as credenciadas poderão exibir publicidade nos dispositivos conectados à internet (ou em determinados equipamentos públicos), podendo as campanhas ser delas mesmas ou de outras empresas parceiras.

Na proposta da Prefeitura de São Paulo, o tempo máximo de exibição de anúncio até que o usuário possa fechá-lo será de 15 segundos, para a navegação durante 15 minutos, 30 segundos para 30 minutos e 45 segundos para 45 minutos. A velocidade mínima de download deverá ser de 512 kbps por usuário.

VEJA TAMBÉM:

–> Cuidado! Nome do Wi-Fi pode desativar funções de rede de iPhones

–> Governo promete 3 mil pontos de Wi-Fi gratuito até o fim deste ano

–> Governo descarta alterar edital do 5G para obrigar internet nas escolas

“A expansão do Wifi Livre SP é decisiva para assegurar o acesso à internet como direito fundamental do cidadão paulistano, além de dinamizar polos de economia criativa pela cidade e promover a inclusão digital, que é a nova fronteira da inclusão social”, afirma o secretário municipal de inovação e tecnologia, Juan Quirós.

A consulta pública está disponível no site da Prefeitura, com as contribuições podendo ser enviadas pelo e-mail [email protected] até o dia 17 de agosto, podendo este prazo ser prorrogado.

Além da Prefeitura de São Paulo, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos de São Paulo (CPTM) também lançou uma consulta pública sobre um edital para a oferta do Wi-Fi gratuito em trens que circulam em cidades da Grande São Paulo. O prazo deste edital é até o próximo dia 8 de agosto.

Com informações de Prefeitura de São Paulo.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários