19/04/2024

5G cresce no país, mas segmento móvel sofre queda em agosto

No oitavo mês do ano, foram contabilizadas 210,52 milhões de linhas móveis ativas. Vivo lidera o segmento, com 81,98 milhões de chips ativos.

De acordo com dados atualizados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o crescimento dos celulares 5G acelerou no mês de agosto, apresentando adições líquidas 52% maiores que as de julho. O Brasil contabilizou 14,6 milhões de assinantes na nova tecnologia móvel, 1,9 milhões a mais que no mês anterior.

No entanto, não se trata de um crescimento de novas linhas no mercado, mas de uma grande parte de usuários que migraram do 4G para a última geração de internet móvel, uma vez que há uma redução de 1,6 milhões adições líquidas da quarta geração.

Em relação às operadoras, a Claro é líder no segmento, com 5,6 milhões de acessos, dos quais 574 mil foram obtidos em agosto, a Vivo se mantém na vice-liderança, mas com uma diferença que pode ser facilmente revertida. A operadora conta com 5,5 milhões de linhas 5G, com a ativação de 874 mil clientes à base. A TIM somou 496 mil novas adições em agosto, totalizando 3,33 milhões.

Embora o 5G tenha apresentado crescimento, o mercado móvel apresentou uma desaceleração considerável na comparação com as ativações registradas em julho (186,9 mil). Foram contabilizadas 210,52 milhões de linhas móveis ativas no mês de agosto.

A Claro e a Vivo estão no topo do ranking. Com 38,9% das linhas de celulares disponíveis no Brasil, a Vivo lidera o mercado móvel. A Claro fica em segundo lugar e a TIM ficou na terceira posição. Entretanto, o Grupo Telefónica perdeu 177 mil linhas em agosto, terminando o mês com 81,98 milhões de chips ativos. A baixa é de 0,2% em relação ao total de julho (82,16 milhões).

Houve queda também para a TIM, que perdeu cerca de 90 mil clientes em agosto, fechando o mês com 56,4 milhões de linhas celulares. Já a Claro teve alta de 0,4%, chegando a 70,24 milhões de linhas móveis para celulares. As adições líquidas somaram 292 mil em agosto

Houve uma desaceleração em todo o mercado móvel, ou seja, levando em conta acessos padrão, machine to machine (M2M) e ponto de serviço (PoS). Em agosto, cerca de 388 mil novas ativações foram registradas, ante 479 mil em julho. No total, o mercado móvel somou 252,38 milhões de linhas.

Planos pós e pré-pago

A modalidade pós -pago tem se tornado a preferência dos consumidores, ganhando mais 611 mil acessos, totalizando 102,52 milhões de linhas em agosto. Enquanto que o pré-pago perdeu cerca de 580 mil acessos.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários