28/02/2024

Banda larga fixa no Brasil chega a 45 milhões de assinantes

Número de clientes do serviço de banda larga fixa no Brasil cresceu muito no último ano, segundo os dados da Anatel.

A banda larga fixa no Brasil passou a marca de 45 milhões de assinantes, segundo os últimos dados da Agência Nacional de Telecomunicações, a Anatel. Os números da entidade mostram que ainda em 2022 o serviço cresceu em clientes por todo o país. 

Banda Larga Fixa

Depois de uma primeira revisão dos dados, a agência atualizou novamente as informações sobre o segmento, elevando o número de contratos de banda larga fixa para 45,1 milhões até dezembro do ano passado. 

Embora tenha permanecido estável em janeiro, o número de acessos reportados caiu para 44,4 milhões em fevereiro. No entanto, essa queda mensal pode estar relacionada à subnotificação de acessos por parte de provedores menores, o que é comum na divulgação de informações sobre banda larga. Nos próximos meses, é provável que o número de acessos em fevereiro seja ajustado.

Dos 44,4 milhões de contratos reportados no segundo mês do ano, mais da metade (22,3 milhões) pertencem ao segmento dos provedores de pequeno porte (PPPs). Além disso, a tecnologia de fibra óptica atendia um total de 31,2 milhões de acessos.

Como ficaram as operadoras dentro desses novos números da banda larga no Brasil 

No que diz respeito à aquisição de novos clientes pelos principais grupos, destaca-se a Brisanet por ter somado 13 mil novos acessos em fevereiro, totalizando quase 34 mil novos clientes no primeiro bimestre. Atualmente, a empresa conta com 1,113 milhão de assinantes.

Em contrapartida, a Claro continua sendo a líder no mercado de banda larga, com 9,77 milhões de clientes. No segundo mês do ano, a empresa adicionou pouco mais de mil contratos, totalizando 26 mil em 2023, após quase 25 mil novos acessos registrados em janeiro.

Por sua vez, a Vivo adicionou 9 mil novos acessos em fevereiro e outros 11 mil em janeiro, totalizando cerca de 20 mil novos contratos nos dois primeiros meses do ano. A base de clientes da empresa é de 6,49 milhões.

A Oi registrou uma diminuição no número de clientes em fevereiro, resultando em uma queda líquida de 43 mil acessos e totalizando 5 milhões de assinantes. 

Até mesmo a base de clientes da fibra óptica sofreu uma redução de 4 mil. No entanto, no mês anterior, em janeiro, a base total da Oi permaneceu praticamente inalterada, enquanto a base óptica cresceu mais de 40 mil acessos. Em fevereiro, a Oi Fibra contabilizou um total de 4,27 milhões de assinantes.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários