27/02/2024

Anatel apreende mais de 1,4 milhão de aparelhos de ‘gatonet’

Entenda como a agência fará o bloqueio do sinal que transmitem conteúdos de streaming e TV por assinatura de forma irregular.

Nesta quinta-feira (10), mesmo dia em que anunciou a permissão para que fosse realizado o bloqueio do sinal que transmitem conteúdos de streaming e TV por assinatura de forma irregular, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) afirmou que tirou de circulação mais de 1,4 milhão de aparelhos de TV Box, ação de combate a famosa prática do “gatonet”.

De acordo com a agência, o valor estimado desses aparelhos apreendidos soma quase R$ 400 milhões. Esses equipamentos são usados de forma irregular, onde o usuário tem acesso a filmes, series e canais de TV de forma ilegal, o que é considerado pirataria.

A ação tem como objetivo impedir o uso de dispositivos não homologados, ou seja, que não possuem certificado de conformidade de uso seguro, e faz parte do Plano de Combate ao Uso de Decodificadores Clandestinos da agência e visa coibir o uso de TVs Box não homologadas, ou seja, que não possuem certificado de conformidade de uso seguro.

A Anatel tem trabalhando para combater a prática do “gatonet”, que já é uma reivindicação das operadoras de TV por assinatura, e frequentemente realiza ações para fiscalizar a comercialização desses produtos, tanto na internet quanto em feiras populares. Inclusive, plataformas como Shopee e Amazon, já foram notificadas para não venderem tais equipamentos.

Além de causar prejuízo para as empresas de TV por assinatura, o uso da TV Box coloca os usuários em risco. Inclusive, a própria Anatel já constatou a presença de malware nesses equipamentos, onde são capazes de capturar dados de usuários, como registros financeiros, arquivos e fotos, até dados bancários.

Isto pode ocorrer, pois as TVs Box se conectam pela internet e podem roubar dados de qualquer outro aparelho que esteja ligado na mesma rede. “Existe risco à segurança do usuário. Não apenas rouba os dados do usuário da TV Box, qualquer aparelho ligado ao roteador que está ligado à TV Box pode ter seus dados roubados“, afirmou Hermano Tercius, superintendente de Fiscalização da Anatel.

“Uma rede de robôs pode usar a TV Box para fazer ataques. São ataques que tentam indisponibilizar um serviço”, disse o superintendente.

Como funcionará o bloqueio das TVs Box?

A Anatel vai bloquear os servidores centrais que levam o sinal ilegal para as TVs Box, pois cada um desses servidores tem um IP, que é uma espécie de CPF da máquina. A investigação começará por meio de denúncia e identificação de servidores que estejam fornecendo conteúdo para o “gatonet”.

Após ter os dados em mãos, a agência determinará o bloqueio na rede desses servidores. Esse bloqueio será feito pelas empresas que fornecerem internet. Ou seja, não será necessário entrar na casa do usuário para que o serviço seja interrompido. Segundo a Anatel, o bloqueio desses serviços será realizado de forma gradual.

ViaG1

1 COMENTÁRIO

Se inscrever
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais antigo
Mais recente Mais Votados
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários