28/02/2024

Samsung Galaxy A14 4G já pode ser comercializado no mercado brasileiro

Smartphone foi homologado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), autorizando a sua venda no Brasil.

O novo smartphone baratinho da Samsung já pode ser vendido no Brasil. O Galaxy A14 foi homologado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e vem com duas versões: SM-A145M e SM-A145MB. O dispositivo integra uma linha de entrada e intermediários da marca, além de ser produzido em unidades fabris brasileiras e outra parte importada de outros países.

O smartphone da linha A não é compatível com o 5G, talvez seja por isso que venha com um valor mais acessível, mas a versão com a quinta geração de internet móvel já foi lançada nos Estados Unidos e Europa, cujos modelos são equipados com o MediaTek Dimensity 700.

Durante a CES 2023, a Samsung anunciou que o Galaxy A14 5G virá com uma configuração de 4G de memória e 64 GB de armazenamento, mas pode chegar a 1 TB de armazenamento com micro SD. Essas especificações não devem alterar entre os dois modelos.

Entretanto, há a possibilidade da Samsung lançar uma versão com mais armazenamento, uma vez que no documento de homologação existem dois modelos: SM-A145M/DS e SM-A145MB/DS.

De acordo com dados encontrados em testes no Geekbench, haverá alteração de configuração entre a versão 5G e 4G. Enquanto o primeiro vem com o processador MediaTek Dimensity 700, o segundo pode ser equipado com o chip MediaTek Helio G88. Mas o restantes das configurações devem ser idênticas, incluindo o conjunto traseiro de câmeras composto de sensor principal de 50 MP + 2 MP + 2 MP.

Preço e disponibilidade

De acordo com o documento, assim como já falamos, o Galaxy A14 4G será manufaturado em território nacional, especificamente em unidades de manufatura localizadas em Campinas, no estado de São Paulo, e Manaus, no estado do Amazonas.

A versão 5G lançada nos Estados Unidos tinha o preço de US$ US$ 199,99 (R$ 1016 em conversão direta). Embora a Samsung não tenha divulgado o preço oficial da versão 4G no Brasil, devido às taxas, é esperado que o smartphone seja comercializado no mercado brasileiro por um preço acima do obtido na conversão direta.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários