Samsung registra venda de quase 60 milhões de smartphones no 2T22

Marca sul-coreana supera a Apple e continua sendo a empresa que mais vendeu aparelhos no mundo entre abril e junho deste ano.

De acordo com um relatório da Canalys, a Samsung foi a marca que mais vendeu smartphones em todo o mundo no segundo trimestre deste ano, sendo que entre abril e junho, a fabricante foi responsável por 21% de todos os aparelhos vendidos no planeta, enviando quase 60 milhões de unidades, impulsionado pelas vendas da linha Galaxy A e do Galaxy S22 Ultra.

No relatório, a marca sul-coreana manteve sua liderança, superando a Apple com 17%, seguida pela Xiaomi (14%), OPPO (10%) e vivo (9%). No período avaliado, a Xiaomi (17%) perdeu sua posição de vice para a Apple, uma vez que no ano passado, a marca norte-americana assumiu o posto em terceiro lugar com 14% de participação de mercado. Enquanto que a Samsung tinha 24% de participação.

De modo geral, o mercado global de smartphones apresentou um recuo de 9% em relação ao primeiro trimestre do ano, com uma remessa total de 275 milhões de aparelhos. “Algumas preocupações ainda existem na área de logística e produção, como as restrições de importação em mercados emergentes e procedimentos alfandegários que estão causando atrasos nas comercializações“, explica Toby Zhu, analista da Canalys.

“Os ventos contrários econômicos, a demanda lenta e o acúmulo de estoque resultaram em fornecedores reavaliando rapidamente suas estratégias de portfólio para o restante de 2022. A faixa intermediária com excesso de oferta é um segmento exposto para os fornecedores se concentrarem no ajuste de novos lançamentos, à medida que os consumidores com orçamento limitado mudam seus dispositivos de compras para a extremidade inferior”, afirma disse o analista de pesquisa da Canalys, Runar Bjørhovde.

Desse mercado, a Apple é responsável por uma remessa de cerca de 46 milhões de smartphones, conseguindo aproveitar a alta demanda da série iPhone 13, e ganhando a segunda posição na participação de mercado.

A Xiaomi foi responsável por um remessa do total de aproximadamente 38 milhões de aparelhos vendidos. Já a OPPO, dona de marcas como Realme e OnePlus, manteve quase a mesma participação nos três meses anteriores, sendo responsável por 10% do mercado global, enquanto que a vivo se destacou bastante com os últimos lançamentos, principalmente o dobrável vivo X fold.

Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore. E-mail para contato: [email protected]
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
0
O que você acha? Comente!x