18/05/2022

Musk diz que acordo de US$ 44 bilhões no Twitter está suspenso por dados falsos de contas

Ações da empresa despencaram nesta sexta-feira (13).

Elon Musk twittou, nesta sexta-feira (13), que seu acordo de US$ 44 bilhões para comprar o Twitter está “temporariamente suspenso” enquanto ele espera que a empresa de mídia social forneça dados sobre a proporção de suas contas falsas.

starlink-decisao-adiada-elon-musk
Foto: Reprodução Internet

As ações do Twitter caíram inicialmente mais de 20% nas negociações de pré-mercado, mas depois que Musk, presidente-executivo do mercado de carros elétricos Tesla Inc, enviou um segundo tweet dizendo que ele continua comprometido com o acordo, eles recuperaram um pouco.

As ações caíram 8,6%, para US$ 41,19 no pregão do meio-dia de sexta-feira, um grande desconto em relação ao preço de aquisição de US$ 54,20 por ação.

Musk, a pessoa mais rica do mundo, decidiu renunciar à devida diligência quando concordou em comprar o Twitter em 25 de abril, em um esforço para que a empresa com sede em São Francisco aceitasse sua “melhor e final oferta”. Isso pode tornar mais difícil para ele argumentar que o Twitter de alguma forma o enganou.

Desde então, as ações de tecnologia caíram em meio a preocupações dos investidores com a inflação e uma potencial desaceleração econômica.

“O acordo do Twitter suspendeu temporariamente os detalhes pendentes que apoiam o cálculo de que contas falsas/spam de fato representam menos de 5% dos usuários”, disse Musk a seus mais de 92 milhões de seguidores no Twitter.

O Twitter não planeja nenhuma ação imediata como resultado do comentário de Musk, disseram pessoas familiarizadas com o assunto. A empresa considerou o comentário depreciativo e uma violação dos termos de seu contrato, mas foi encorajada por Musk posteriormente twittar que ele estava se comprometendo com a aquisição, acrescentaram as fontes.

Musk foi ao escritório do Twitter para uma reunião em 6 de maio como parte do processo de planejamento da transação, disse um porta-voz do Twitter.

Não houve reação imediata dos investidores que Musk aproveitou na semana passada para levantar US$ 7,1 bilhões em financiamento.

Spam ou contas falsas são projetadas para manipular ou aumentar artificialmente a atividade em serviços como o Twitter. Alguns criam a impressão de que algo ou alguém é mais popular.

Musk twittou uma matéria da Reuters de dez dias atrás que citava os números da conta falsa. O Twitter disse que os números eram uma estimativa e que o número real pode ser maior.

O número estimado de contas de spam no site de microblog se manteve estável abaixo de 5% desde 2013, de acordo com registros regulatórios do Twitter, levando alguns analistas a questionar por que Musk o estava aumentando agora.

“Essa métrica de 5% já está disponível há algum tempo. Ele claramente já a teria visto… Portanto, pode ser mais parte da estratégia de reduzir o preço”, disse Susannah Streeter, analista da Hargreaves Lansdown.

As ações da Tesla subiram 4% na manhã de sexta-feira. As ações perderam cerca de um quarto de seu valor desde que Musk divulgou uma participação no Twitter em 4 de abril, em meio a preocupações de que ele se distraia como presidente-executivo da Tesla e que possa ter que vender mais ações da Tesla para financiar o negócio.

Carolina Veneroso
Carolina Veneroso
Jornalista, formada pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Atua como repórter, redatora e com produção de conteúdo há 5 anos. Apaixonada por entrevistar e conhecer pessoas e novas histórias.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários