InícioInternet Banda LargaSanta Catarina terá investimento de R$ 100 milhões para levar internet ao...

Santa Catarina terá investimento de R$ 100 milhões para levar internet ao meio rural

Empresas de telecomunicação poderão utilizar a estrutura de distribuição de energia para a passagem de cabos de internet; saiba detalhes.

Nesta terça-feira, 21, foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc) o projeto de lei elaborado pelo Governo do Estado de Santa Catarina, onde levará internet de qualidade ao meio rural. Aprovado pelos deputados estaduais, o programa garante um investimento de R$ 100 milhões para ações de conectividade nos próximos dois anos.

A ideia é cobrir boa parte dos municípios com estrutura de fibra óptica. Agora, o projeto de lei seguirá para a sanção do governador Carlos Moisés.

Para que o meio rural passe a ter internet de qualidade, o Governo do Estado autorizou que as concessionárias ou permissionárias de distribuição de energia elétrica compartilhassem suas estruturas, sem custo adicional, para a passagem de cabos dos serviços de telecomunicações nessas áreas, acabando com um dos maiores obstáculos para a instalação da banda larga por fibra nas áreas rurais.

De acordo com o secretário da Agricultura, Altair Silva, as empresas de telecomunicações não precisavam pagar tarifas ou taxas para usar esses postes. No entanto, as concessionárias de energia terão o direito de usar os serviços de internet de forma gratuita.


Os recursos previstos no projeto serão utilizados para viabilidade da instalação dos serviços de telecomunicação nos municípios e os cabos de banda larga irão passar pelas principais estradas rurais de Santa Catarina. Após a instalação da estrutura de fibra óptica, os produtores terão suporte da Secretaria da Agricultura para fazer a conexão em suas propriedades.

LEIA TAMBÉM:

–> Governo adquiriu mais de R$ 7 bilhões no 1º dia do leilão 5G

–> Oi remove plano de internet banda larga 1 Giga de seu site

–> NAXI lança internet banda larga de 6 Gbps em Jaraguá do Sul

Segundo Altair silva, os agricultores poderão ter acesso a uma linha de crédito especial disponibilizado pelo Fundo de Desenvolvimento Rural (FDR) para conectar suas propriedades à infraestrutura de fibra óptica.

“É um grande programa, uma ação de Estado, para levarmos internet para o campo. Vamos gerar uma revolução no agro catarinense, aumentando a atratividade do meio rural, dando possibilidades de escolha e estudos para os jovens agricultores. Assim como as cidades, o Interior também estará conectado”, comemorou Altair Silva.

Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários