InícioTelefonia CelularNomo: a nova operadora móvel virtual

Nomo: a nova operadora móvel virtual

Empresa busca oferecer um serviço de qualidade e planos com valores acessíveis para os clientes que fogem das tradicionais operadoras.

A nova operadora móvel virtual (MVNO, na sigla em inglês), Nomo, pretende se tornar o Nubank das telecomunicações. A Nomo busca se diferenciar das outras empresas de telecomunicações focando na experiência do usuário e no desenvolvimento de tecnologia proprietária.

Querendo se tornar uma marca amada pelos consumidores, a empresa tem em seu time diversos executivos experientes da área de telecom, como o ex-CEO da Oi, Ronaldo Iabrudi.

A ideia é se tornar uma operadora que seja simples de usar. Além de Voz e SMS ilimitados, a companhia conta com planos que variam de 10 GB a 30 GB por mês, com preços bem acessíveis entre R$ 5 e R$ 6 por gigabyte, onde é feita por uma assinatura, com pagamento mensal por cartão de crédito.

Os chips da nova operadora móvel virtual ainda não estão totalmente disponíveis para os consumidores, mas semana passada foram distribuídos 200 chips, sendo que outros 500 devem ser enviados esta semana. Para conseguir o chip é necessário aguardar em uma lista de espera aberta no site, onde há cerca de 10 mil pessoas esperando.


A liberação deverá ser feita aos poucos e em blocos pequenos, onde está sendo começado por clientes de São Paulo. Depois passará para o Rio de Janeiro e então poderá ser expandindo para o resto do país, de forma gradativa.

LEIA TAMBÉM:

–> Nubank tem planos de se lançar no mercado das telecomunicações

–> Novos planos da Inter Cel, operadora virtual do Banco Inter, são revelados

–> ‘Cadê Meu Celular?’, Pernambucanas lança operadora virtual

A Nomo conta com uma tecnologia de “piloto automático”, onde a cada três meses analisa a utilização do cliente e altera o plano mensal de acordo com o perfil do assinante, quando necessário. Além disso, a empresa está desenvolvendo uma ferramenta para a questão da privacidade, por exemplo, o recebimento de chamadas indesejadas.

A operadora não pretende investir em campanhas publicitárias, mas em oferecer a melhor expecintira para o seus clientes.

“Grande parte do nosso investimento em marketing está em criar os fundamentos da marca. Queremos estimular o cliente a falar sobre a gente. Isso acontece através de um welcome kit bacana, com uma linguagem legal; uma rede social legal, sem ‘bullshit’. Se for bom, o cliente conta para o mundo”.

Para os interessados, basta entrar no site da operadora e entrar na lista de espera, informando nome completo, e-mail e número de celular. A Nomo está ligada a Telecall, uma agregadora de operadoras móveis virtuais conectada à rede da Vivo.

Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.

10 COMENTÁRIOS

Acompanhar esta matéria
Notificação de
10 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários