18/06/2024

América Móvil quer reunir torres de operação na América Latina

Controladora da Claro, América Móvil recebeu sinal verde para criar empresa que reunirá torres de operação em países da América Latina.

Em assembleia realizada na quarta-feira (29), a América Móvil recebeu sinal verde dos acionistas para criar a empresa “Sitios Latinoamérica”, uma empresa que irá reunir torres de operação na América Latina, incluindo o Brasil.

A Sitios Latinoamérica irá atender empresas de telecom do grupo América Móvil, assim como de outras operadoras, incluindo até alguns concorrentes de mercado.

A autorização foi dada por 98% dos detectores dos papéis da empresa, e também envolverá o segmento na Argentina, Chile, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Porto Rico, República Dominicana e Uruguai. A Colômbia não está incluída no acordo.

No total, a tower company reunirá 36,008 mil torres de operações nos países citados, sendo que quase metade das torres estarão em território brasileiro. O Brasil terá 12.539 torres. O país com a menor quantidade de torres da América Móvil será Porto Rico com 98 torres.

LEIA TAMBÉM:

–> Joint Venture: América Móvil entra em sociedade com Claro Chile e VTR

–> Streaming gratuito, Pluto TV cresce na América Latina

–> Uso da nuvem pública da Huawei cresce 140% na América Latina

Enquanto que os outros terão: Argentina 4,435, Chile 2,545, Costa Rica 564, Equador 2,368, El salvador 1,153, Guatemala 3,264, Honduras 1,387, Nicarágua 774, Panamá 547, Paraguay 725, Peru 3,687, República Dominicana 1,370 e Uruguai 552.

O acordo já estava em acerto desde 2020, mas só foi divulgado em fevereiro deste ano. No entanto, mesmo com o sinal verde para as torres, o processo ainda está sujeito a condições e ajustes, onde deverá cumprir requisitos perante as leis do México, assim como das localidades onde as torres de telecomunicações serão instaladas.

As primeiras etapas do certame já estão em curso com reorganizações internas, separações e aquisições. Torres do Brasil S/A é a entidade que ficará responsável em reunir os pontos no país.

1 COMENTÁRIO

Se inscrever
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais antigo
Mais recente Mais Votados
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários