InícioEconomia e NegóciosOi prevê o fim da recuperação judicial até o 1º trimestre de...

Oi prevê o fim da recuperação judicial até o 1º trimestre de 2022

Processo se arrasta desde 2016. Em junho, a operadora tinha uma dívida de R$ 25,7 bilhões.

Nesta quinta-feira, 12 de agosto, Rodrigo Abreu, CEO da Oi (OIBR3/OIBR4), afirmou que a operadora deverá encerrar o processo de recuperação judicial até o final do 1º trimestre de 2022. A fala foi durante teleconferência de apresentação dos resultados financeiros referentes ao segundo trimestre deste ano.

Até lá, a empresa espera que ocorra o fechamento de negócio da V.tal (antiga InfraCo), além da aprovação do processo de vendas dos ativos móveis da operadora para o consórcio formado pelas empresas Claro, TIM (TIMS3) e Vivo (VIVT3). Ambos dependem de aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Com os desinvestimentos acertados nos últimos meses, a Oi pretende levantar R$ 27,8 bilhões, sendo R$ 1,1 bilhões daa UPI Torres, R$ 300 milhões da UPI Data Centers, R$ 15,8 bilhões da UPI Móvel e R$ 10,6 bilhões da UPI InfraCo, sendo que estas duas últimas operações ainda não foram fechadas. Já a venda da UPI TV Co (de TV por assinatura) está em andamento, mas a operadora não deu mais detalhes sobre em que fase está este processo.

Vale destacar que a operadora fechou o mês de junho de 2021 com uma dívida líquida de R$ 25,7 bilhões, segundo o relatório financeiro apresentado. Para Rodrigo Abreu, este é um ano de transição, e que a empresa busca a transformação e melhoria operacional nos próximos meses.

VEJA TAMBÉM:

–> Anatel abre arbitragem para rever contrato de concessão da Oi

–> Oi foi a única a aumentar a base de clientes na TV Paga no primeiro semestre

–> No Rio Grande do Sul, Oi recebe o prêmio ‘Top of Mind’

“Nós destacamos que estamos atingindo os principais marcos e agora podemos dedicar plenamente à nossa missão [de transformação]. Ainda há vários marcos a serem cumpridos, especialmente na transformação operacional e com redução de custos. Nós vamos nos focar plenamente nisso, além de transformar a empresa substancialmente em 2022”, afirmou o executivo.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
CONTEUDO RELACIONADO
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários

MAIS POPULARES