24/09/2021
InícioTV por AssinaturaDisney+ ainda pode voltar com o ‘polêmico’ Premier Access

Disney+ ainda pode voltar com o ‘polêmico’ Premier Access

Fim do recurso que viabiliza lançamento simultâneo dos filmes entre os cinemas e streaming ainda não é definitivo.

Imagem: Cena do filme Cruella, que teve sua estreia no Premier Access do Disney+. Captura de Tela
Imagem: Cena do filme Cruella, que teve sua estreia no Premier Access do Disney+. Captura de Tela

A polêmica ao redor do Premier Access pode não terminar tão cedo quanto se espera. Nas últimas semanas, a ‘gigante’ de Hollywood praticamente decretou o fim do recurso no Disney+ após não agendar mais lançamentos simultâneos entre cinemas e streaming. A decisão ocorreu logo após o problemático processo da atriz Scarlett Johansson contra a empresa, visto que a atriz teria participação nas bilheterias de “Viúva Negra” e alegou que a plataforma boicotou a performance do longa-metragem nas telonas.

O Premier Access é um recurso polêmico desde o início, a começar pelo alto valor cobrado para acesso aos filmes: R$ 69,90 no Brasil. Já a outra parte do conflito se concentra nas redes de cinema que se sentem boicotadas por não serem mais a “primeira janela” de exibição para os filmes.

Os atores representam ainda uma terceira parte do conflito. Estrelas do porte de Scarlett Johansson firmam contratos com participação nas bilheterias e querem ter o poder de negociação com a estreia simultânea no streaming.

A Disney se defende com a alegação de que são esforços necessários para conter o rombo gerado pela pandemia da COVID-19, afinal, salas de cinema estiveram fechadas por muito tempo e agora operam com capacidade reduzida.

VEJA TAMBÉM:

–> É o fim! Disney enterra de vez o ‘Premier Access’

–> Viúva Negra ficará disponível para todos os assinantes do Disney+; saiba quando

–> Sem fôlego? Disney+ desacelera em novos assinantes

E mesmo sem nenhum filme agendado para estrear no formato do Premier Access nos próximos meses, o fim ainda não é um decreto. A pista veio com uma entrevista recente do produtor Kevin Feige, responsável pela franquia de filmes da Marvel Studios. Em entrevista a Variety, o executivo foi questionado se o filme “Os Eternos” seria lançado apenas nos cinemas e ele se limitou a responder um “Veremos”.

Isso significa que os próximos filmes da Disney serão verdadeiros testes para a empresa entender se os filmes já conseguem boas performances tendo suas estreias com exclusividade nas salas de cinema. Shang-Chi, também da Marvel Studios, será um dos filmes cobaias.

Os filmes só vão para o Disney+ 45 dias após suas estreias nas telonas. O estúdio deve formatar sua estratégia de exibição de acordo com as aventuras do novo super-herói da Marvel.

Anderson Guimarães
Jornalista com seis anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
CONTEUDO RELACIONADO
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários

MAIS POPULARES