InícioInternet Banda LargaAbrint notifica Anatel sobre localidades que já contam com backhaul de fibra

Abrint notifica Anatel sobre localidades que já contam com backhaul de fibra

Pensando no leilão do 5G, entidade está fazendo levantamento das regiões do país que possuem a infraestrutura.

Abrint notifica Anatel sobre localidades que já contam com backhaul de fibra

A Associação Brasileira de Provedores de Internet e Telecomunicações (Abrint) anunciou que concluiu a segunda etapa da “Campanha de Backhaul de Fibra”. A entidade identificou 526 localidades brasileiras que já possuem a tecnologia de fibra e que não constavam em listagens oficiais.

O trabalho visa auxiliar a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) a atualizar a lista de localidades que ainda não dispõem de backhaul. Esse levantamento é fundamental para o processo de universalização dos serviços de telecom no país, identificando as regiões desprovidas de fibra.

A ideia é que as operadoras vencedoras do leilão de frequências do 5G serão responsáveis por levar a infraestrutura para as localidades desconectadas. Além da universalização, o trabalho evita a duplicação de rede ou o desequilíbrio competitivo entre as operadoras.

Como o leilão não será arrecadatório – com o valor da venda das faixas revertido em compromissos de investimento – a sobreposição de infraestrutura poderia ser vista como um mau uso do dinheiro público.


VEJA TAMBÉM:

–> Votação do edital do 5G pelo TCU já tem data marcada

–> Biden envia emissário para discutir 5G com governo brasileiro

–> Anatel aceita adiar plano de levar fibra óptica para 1,5 mil municípios

Segundo a Abrint, as localidades mapeadas estão principalmente em áreas rurais. As regiões Sudeste foram as que mais tiveram localidades atualizadas (169 no total), seguido do Nordeste (142) e Sul (125). Já o Centro-Oeste e o Norte receberam 45 atualizações cada.

O levantamento da campanha é feito em conjunto com os associados da Abrint. Isso evita que a Anatel obrigue as grandes operadoras a reproduzir investimentos já feitos pelos pequenos provedores.

Em janeiro deste ano, por exemplo, a Abrint identificou que das 431 cidades de Minas Gerais que a Anatel acreditava não ter backhaul, 166 delas já tinham a cobertura de fibra, por exemplo.

“Não medimos esforços para auxiliar a Anatel nesse trabalho e fazer com que a alocação das obrigações de investimento seja cada vez mais assertiva”, afirma Alessandra Lugato, diretora executiva da Abrint.

Com informações de Convergência Digital.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.

1 COMENTÁRIO

Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários