Venda de ativos da Oi não terá intervenção do governo

Fábio Faria, ministro das Comunicações, segue em defesa da recuperação financeira da operadora.

Fábio Faria e Rodrigo Abreu, CEO da Oi. Imagem: Divulgação Instagram
Fábio Faria e Rodrigo Abreu, CEO da Oi. Imagem: Divulgação Instagram

Em entrevista recente para a Rádio Bandeirantes, Fábio Faria, atual ministro das Comunicações, ponderou novamente sobre a situação da Oi (OIBR3 / OIBR4).

Segundo afirmou, o Governo Federal não fará qualquer intervenção na venda de ativos da empresa.


Faria relembrou que a marca nasceu pelas mãos do governo, como Telemar, até chegar ao projeto onde se tornaria a “supertele”.

O ministro pondera que a dívida é grande, multas milionárias foram aplicadas, mas a empresa ainda pode se sustentar com a venda dos ativos.

Outro ponto destacado é que atualmente se faz necessário rever políticas de autuações para que a prática não afaste investidores.

A Highline do Brasil, que quase desbancou TIM, Claro e Vivo na compra dos ativos móveis, também foi mencionada pelo ministro.

VIU ISSO?

–> Decisão final sobre 5G será de Bolsonaro, diz Fabio Faria

–> Leilão 5G gera discordância entre ministros

–> Governo garante 10 mil km de fibra óptica para o Norte

Segundo explica, a empresa americana segue interessada no investimento em infraestrutura no Brasil, mesmo com as operadoras na jogada pela telefonia móvel da Oi.

Na parte de torres, a Highline deve levar melhor e conseguir adquirir os ativos da tele.

Em conversa com a Bandeirantes, Fábio Faria também comentou sobre o conflito entre China e Estados Unidos no 5G.

O ministro destaca que foi feito um estudo técnico para entender qual será a melhor opção para o Brasil, mas a decisão final cabe ao presidente Jair Bolsonaro.

Com informações de Rádio Bandeirantes

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
0 0 voto
Nota para o redator
Acompanhar esta matéria
Notificação de
4 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários