InícioEconomia e NegóciosCaixa Econômica tenta barrar na Justiça novo aditamento da Oi

Caixa Econômica tenta barrar na Justiça novo aditamento da Oi

Instituições financeiras não concordam com plano de reestruturação da operadora aprovado em assembleia de credores.

Depois do Itaú, chegou a vez da Caixa Econômica Federal pedir na Justiça a anulação da Assembleia Geral de Credores (AGG) da Oi (OIBR3 / OIBR4), realizada no último dia 8 de setembro.

Ontem, o Minha Operadora noticiou que o banco privado contestou a votação realizada na AGC da operadora.


Agora, Caixa entrou com um pedido na 7ª Vara Empresarial da Comarca do Rio de Janeiro para tornar nula a decisão dos credores de aprovar o novo plano de aditamento ao plano de recuperação judicial da Oi.

Apesar da maioria ter votado a favor, os bancos (um dos maiores credores da Oi) não concordam com a decisão da maioria.

O principal questionamento das instituições financeiras é a proposta de desconto de 55% no valor das dívidas. Os bancos chegam a argumentar que as cláusulas do novo plano são ilegais.

De acordo com a ação da Caixa, o plano “deprecia de forma grave e desarrazoada os direitos creditórios de um único subgrupo de credores, dentre os quais, a Caixa e outros relevantes credores financeiros que não possuíam força política suficiente a promover sua adequada representatividade e influenciar o resultado da votação”.

VIU ISSO?

–> Credores aprovam plano de reestruturação da Oi

–> Bancos não desistiram de barrar novo plano da Oi

–> Especialistas criticam venda da Oi Móvel para Claro, Vivo e TIM

Em resposta ao pedido do Itaú, a Oi lembrou que o novo plano de aditamento foi aprovado pela “maioria esmagadora dos credores” e que ele é fundamental para desenvolver o plano estratégico e preservar as operações da companhia.

Além do Itaú e Caixa Econômica Federal, os bancos Bradesco, do Brasil e BNDES também tentaram barrar o andamento da Assembleia Geral de Credores.

Com informações de Telesíntese.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários