Senado americano aprova lei para banir Huawei dos EUA

Projeto segue para assinatura do presidente Donald Trump.

Imagem: Harold Mendoza/Unsplash

Nesta quinta-feira, 27, o Senado dos Estados Unidos aprovou por unanimidade o pagamento de US$ 1 bilhão (R$ 4,47 bilhões, na cotação atual) às operadoras rurais do país para que elas substituam completamente de suas redes quaisquer equipamentos produzidos pela Huawei ou ZTE.

A Lei de Redes de Telecomunicações Seguras e Confiáveis propõe que as operadoras dos Estados Unidos ficam proibidas de comprar hardware para suas infraestruturas de rede provenientes de empresas chinesas suspeitas de espionagem.


O auxílio financeiro para as empresas rurais será gerenciado pela Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em inglês).

O projeto de lei ainda precisa ser assinado pelo presidente Donald Trump para se tornar uma lei, no entanto, o mesmo já havia reconhecido o apoio à nova legislação.

VIU ISSO?

–> Governo dos Estados Unidos fará pente fino nas operadoras do país

–> Huawei contra-ataca governo de Donald Trump

–> Contrariando Trump, Pentágono desbloqueia Huawei

“Os equipamentos de telecomunicações de certos adversários estrangeiros representam uma ameaça significativa à nossa segurança nacional, prosperidade econômica e futuro da liderança dos EUA em tecnologia sem fio avançada”, disse o senador americano Roger Wicker.

Apesar de negar as acusações, a Huawei tem sido o maior foco do governo americano. Em maio do ano passado, a gigante chinesa foi incluída na lista de entidades proibidas de fazer negócios com empresas americanos, com a suspeita de que ela trabalha com o governo de Pequim para espionar as redes do país.

Com informações de TechCrunch.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.

3
DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, FAÇA LOGIN para comentar
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
leonardo ★ ??
Colaborador

Traduzindo: protecionismo e falta de competitividade. Liberalismo no dos outros é refresco.

Cidade - UF
RJ
Helliton Soares Mesquita
Colaborador

O EUA nunca tiveram problemas com competitividade interna. Já a externa eles tem seus problemas. O Brasil porém tem problema nos dois lados.

Cidade - UF
Rondonópolis - MT
Marco Suzin
Colaborador
Marco Suzin

E quanto a CISCO que embute back-door em seus produtos para facilitar a espionagem pelos EUA, já basta mente documentadas pelos vazamentos de Snolden..
Será que o Brasil vai BANIR este fabricante???

Cidade - UF
Porto Alegre RS