Operadoras voltam a liderar ranking de reclamações

Em um único estado, foram cinco mil registros negativos contras as empresas de telecomunicações.

Ilustração - Pixabay
Imagem: Pixabay

Até quando? Em recente balanço do ano de 2019, o Instituto Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-ES) constatou que a telefonia móvel foi o segmento que liderou no número de reclamações registradas.

Foram mais de cinco mil queixas coletadas. A telefonia fixa surge na quinta posição e a TV por assinatura ficou com a nona. Entram também instituições financeiras, bancos, cartão de crédito e outros.


A análise surge logo após a divulgação do Procon de São Paulo, que também divulgou o segmento móvel como o mais reclamado de todos. No ranking, Vivo e Claro lideraram com as mais reclamadas.

No ES, as instituições financeiras ocupavam a primeira posição em 2018, mas conseguiram ser destronadas pelas operadoras de telecomunicações.

VIU ISSO?

–> Procon determina abertura de canais abertos na Claro TV

–> Procon-MS notifica operadoras por ignorarem bloqueio de ligações

–> Operadoras lideram ranking de reclamações do Procon de Goías

“Cobrança indevida, incluindo lançamentos de serviços não solicitados na fatura e a mudança unilateral nos contratos com reajuste no valor do serviço são as queixas dos consumidores quando se trata de telecomunicação”, comentou Rogério Athayde, diretor-presidente do Procon-ES.

Athayde orienta que os consumidores tenham total atenção ato de contratação. O contrato deve ser conferido, as dúvidas precisam ser esclarecidas e todos os valores precisam ser consultados.

Em caso de dúvidas ou valores não acordados na fatura, basta procurar o Procon da região e verificar as medidas cabíveis.

É necessário levar os documentos pessoais e quaisquer outros que possam comprovar a situação vivida com a empresa reclamada.

Os dados sobre quais foram as operadoras mais reclamadas não foram divulgados.

Com informações de ES Brasil

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, FAÇA LOGIN para comentar
  Acompanhar esta matéria  
Notificação de