Oi lança e-book gratuito de empreendedorismo

Publicação traz depoimentos e cases de startups de sucesso que provocaram impactos sociais positivos.

Imagem: Oi Futuro/Divulgação

Nesta quinta-feira, 6, o Oi Futuro disponibiliza na internet um e-book que traz histórias de empreendedores de sucesso. O download pode ser feito gratuitamente na página do Labora, o laboratório dedicado ao fortalecimento do empreendedorismo social.

Ao todo são 14 cases de organizações que foram acelerados pelo Labora. O objetivo é compartilhar experiências e aprendizados para aqueles que pretendem se envolver com negócios que geram impacto social positivo.


“O Oi Futuro elegeu como fio condutor deste e-book o relato dos personagens à frente de organizações, negócios e aceleradoras que trabalham todos os dias na construção de uma sociedade mais inclusiva e diversa”, explica Suzana Santos, presidente do Oi Futuro.

Desde 2017, mais de 300 empreendedores passaram pelo Labora, envolvidos em 50 iniciativas aceleradas. O programa investe em projetos socioambientais por meio de editais de patrocínio, aproximando ONGs de startups sociais. Mesmo sem geração de lucro, a ideia é transformar a sociedade.

VIU ISSO?

–> Escola técnica do Oi Futuro promove portas abertas

–> Oi Futuro inaugura laboratório inovação e criatividade no Rio

–> Oi Futuro divulga projetos culturais selecionados em 11 estados

Conheça um pouco da história dos 14 empreendedores que aparecem no e-book:

  • Carlos Humberto Silva (Diaspora.Black): Plataforma de hospedagem que aproxima anfitriões e viajantes para compartilharem experiências da cultura negra.
  • Priscila Gama (Malalai): Aplicativo e acessório de segurança pessoal para que mulheres possam pedir ajuda quando necessário.
  • Fernando Senna (Orbita): Geração e compartilhamento de energia solar para empresas e residências.
  • Rodrigo Guimarães (Spindow): Plataforma de ensino multissensorial de línguas para a Associação Brasileira de Dislexia.
  • Carla Siccos (CDD Acontece): Canal noticioso da Cidade de Deus, prestando serviços de utilidade pública para moradores do bairro do Rio de Janeiro.
  • Mariana Aleixo (Maré de Sabores): Buffet gastronômico em que o lucro é revertido para formação das mulheres do conjunto de favelas da Maré, no Rio de Janeiro.
  • Zeca Novais (Lona na Lua): Associação que fornece formação gratuita em teatro, música, circo, cinema, roteiro, dança, figurino e cenografia.
  • Robson Melo (Estante Mágica): Plataforma que incentiva alunos das redes públicas a privada a escrever e publicar livros.
  • Mércia Britto (Cinema Nosso): Instituição que mantém uma escola audiovisual, uma sala de cinema e uma produtora-escola na cidade do Rio de Janeiro.
  • Christian Trindade (BeRap): Jogo online de batalhas de rimas.
  • Jaciana Melquiades (Era Uma Vez o Mundo): Promove a cultura por meio de bonecas artesanais negras.
  • Elaine Rosa (Feira Crespa): Organiza feiras que vendem produtos de empreendedores negros na cidade do Rio de Janeiro.
  • Melanie Montinard (Mawon): Oferece serviços de legalização de documentação para migrantes.
  • Juliana Brito (Workay): Solução inclusiva de reforma que atua em alguns bairros do Rio de Janeiro, inserindo mulheres no setor da construção civil.

Com informações de Assessoria de Imprensa Oi.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, FAÇA LOGIN para comentar
  Acompanhar esta matéria  
Notificação de