quarta-feira, 2 de maio de 2018

Oi Futuro inaugura laboratório inovação e criatividade no Rio

O que você achou? 
Instituto também abriu edital para residência artista e para programa de aceleração de startup que ocorrerá no novo espaço.

A Oi inaugurou, na última semana, um espaço de coworking voltado para a economia criativa e para os negócios de impacto social, o Lab Oi Futuro – Laboratório de Inovação e Criatividade. 

O laboratório, instalado na cidade do Rio de Janeiro, vai oferecer estúdios de som, estações de trabalho, sala de ensaio, salas de reuniões, ateliê criativo, lounge e auditório, em um ambiente idealizado para estimular a experimentação e conectar criadores de todo o Brasil.

Essa estrutura física e técnica ficará à disposição de artistas, realizadores e empreendedores sociais selecionados por meio de editais públicos para tirarem seus projetos do papel ou potencializarem iniciativas já existentes

O Lab Oi Futuro vai ocupar um andar inteiro, com mais de 500m², no prédio administrativo do instituto Oi Futuro, na Rua Dois de Dezembro, no Flamengo.

O espaço vai abrigar as atividades dos dois mais novos programas do Oi Futuro: o LabSonica e o Labora. O LabSonica é um laboratório de experimentação sonora e musical. Já o labora é focado em inovação social. 

O local vai oferecer 28 posições de trabalho com suporte de telecomunicações, um estúdio de som e imagem, entre outros recursos. 

O presidente da Oi, Eurico Teles, enfatizou que o objetivo do instituto é impulsionar ideias que transformem a sociedade

“Com o Lab Oi Futuro, o instituto materializa o seu propósito de fomentar a inovação e a criatividade para melhorar a vida das pessoas, oferecendo um ambiente propício à experimentação e à articulação de redes”, destaca o presidente. 

A proximidade propiciará um diálogo direto do Lab Oi Futuro com o Centro Cultural Oi Futuro, potencializando a comunicação com o público e aproveitando equipamentos, materiais e expertise. 

Além disso, o laboratório servirá como ponto de encontro de todos os projetos promovidos e apoiados pelo instituto, encorajando o cruzamento de experiências para inspirar novas iniciativas. 


Editais públicos


Durante a inauguração do espaço, que ocorreu na última quinta-feira (26), o Oi Futuro lançou dois editais públicos nacionais: um para residências artísticas do laboratório e outro para aceleração de startups de impacto social, em parceria com a Startup Farm.

Os interessados em participar da residência artística devem se inscrever até o dia 15 de junho. O curso, que ocorrerá no próprio Lab Oi Futuro, será ministrado entre julho deste ano e maio de 2019. 

Ao todo, estão sendo disponibilizadas dez vagas. Os dez eleitos serão premiados com bolsas que variam entre R$ 20 mil e R$ 40 mil. 

A bolsa visa à cobrir os custos do aluno com a residência, incluindo cachês, matérias-primas e gastos com estadia no Rio. 

Ao final da residência, todos terão de entregar uma obra de arte digital para fazer parte de uma exposição coletiva, prevista para maio de 2019, no Centro Cultural Oi Futuro. 

Já no programa Labora, de aceleração de startups de impacto social, o Oi Futuro e a Farm irão selecionar até dez startups de impacto social para serem aceleradas em etapas presenciais no Rio e também a distância. 

Empreendedores de todo o Brasil podem se inscrever até o dia 23 de maio no site do programa

O instituto busca negócios que tenham em seu produto ou serviço uma solução que ajude a resolver grandes problemas da sociedade





Nenhum comentário:

Postar um comentário