Amazon Alexa terá integração com a Sky

Em fase inaugural, assinantes da operadora podem conferir programação da TV usando comandos de voz.

A Sky está começando a oferecer a integração dos seus serviços de TV via satélite com a Alexa, a assistente virtual inteligente desenvolvida pela Amazon.

Os comandos podem ser feitos por meio dos alto-falantes inteligentes ativados por voz da linha Echo. Atualmente, o aparelho da Amazon está disponível em três versões no Brasil e já atende comandos em português.


O assinante pode perguntar ao dispositivo o que está passando em determinado canal, descobrir em qual emissora determinado filme ou série está passando ou pesquisar conteúdos separados por gênero.

Em breve, será possível outras funcionalidades, como solicitar a troca de canal por voz ou solicitar um atendimento.

VIU ISSO?
–> Sky testa serviço mais barato via aplicativo para TV paga ao vivo
–> SKY Play passa a ter a funcionalidade de canais ao vivo
–> Decisão sobre o futuro da SKY é novamente adiada

A habilidade pode ser utilizada por qualquer pessoa. O objetivo é oferecer aos usuários uma experiência inovadora e agradável aos usuários da Sky. A operadora é a primeira a oferecer esse tipo de integração aos seus assinantes.

“Entendemos que, além de oferecer o serviço com excelência, da forma mais simples e eficiente para o cliente, precisamos nos relacionar com ele de uma nova maneira, entregando novas formas de interação e acompanhando as tendências do mercado”, esclarece Gustavo Fonseca, vice-presidente de Marketing e Estratégia da SKY.

O Echo da Amazon está sempre ativado e sempre conectado ao Wi-Fi, permitindo que ele acesse os serviços em nuvem e transmitir músicas de dispositivos móveis com o Bluetooth.

SKY Pré-Pago a partir de R$ 14,90! Ligue agora 0800 123 2040 e não perca essa chance de ter TV por assinatura em casa.

COMPARTILHAR EM:

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários