Oi será autuada por má prestação de serviços

Banda larga da operadora teve três panes em um mês no Mato Grosso do Sul.

Campanha da Oi
Imagem: Divulgação Redes Sociais

A fama da Oi não está das melhores em Corumbá, município do Mato Grosso do Sul. Em apenas um mês, foram três quedas no serviço de banda larga prestado pela operadora. A última foi registrada na segunda-feira, 23, em que os moradores da região alegaram um completo “apagão” na internet.

O problema certamente chamou a atenção do Procon de Corumbá (Agência Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor), que confirmou a autuação da Oi pela última queda de serviço.


Vital Gonçalves Miguéis, diretor-executivo da agência, disse que a empresa é a responsável pelo rompimento da fibra ótica que causou a instabilidade dos serviços em Corumbá.

Clientes de telefonia da TIM e Claro também foram afetados. Oscilações foram registradas no 3G.

VIU ISSO?
Rodrigo Abreu assume o cargo de Diretor de Operações da Oi
Americana AT&T formaliza seu interesse pela Oi
Vulnerabilidade na Minha Oi deixou clientes com internet ilimitada

Vital orienta que os consumidores que se sentiram lesados procurem pelo Procon, caso a operadora não realize descontos na fatura pela instabilidade do serviço. No ano passado, a Oi foi multada com o mesmo motivo, mas recorreu.

A partir de agora, após receber a notificação, a empresa terá 30 dias para responder com uma explicação pela falta de serviço.

O município de Ladário também foi atingido pela pane. A falta de conexão afetou o funcionamento de agências bancárias e atrapalhou o comércio da região, que teve dificuldades com máquinas de cartão.

Em nota, a companhia comunicou que o rompimento de fibra ótica na região foi provocado por “terceiros” e que a situação ocasionou picos de congestionamento no tráfego.

Com informações do Campo Grande News

COMPARTILHAR EM:

COMENTÁRIOS MAIS BEM AVALIADOS DO MÊS

55

Banco Inter vai distribuir gratuitamente 7 mil chips da Intercel

é um chip degustação, esperava o que? rs
  • 01/07/2020 by Luiz Carvalho

48

Banco Inter vai distribuir gratuitamente 7 mil chips da Intercel

dados atualmente não são problemas para as grandes operadoras, e mesmo assim, mta gente não se sente satisfeito, pois a escolha depende de outros fatores tbm. Ex: Oi oferece pacotes gigantescos de dados e sinal ruim…outras não se sentem bem atendidos, ou enfrentam problemas diversos…esses dias o vivo easy prime deu um BO impedindo que fosse realizado chamadas, Claro Flex tem um plano maravilhoso e um aplicativo péssimo…todas tem prós e contras, e cada consumidor tem uma medida do que é mais importante pra si mesmo.
  • 01/07/2020 by Luiz Carvalho

42

Consumidor presta queixa contra comercial de Vivo Fibra

Meu deus do céu. Esse povo tá chato demais. Essa geração mi-mi-mi tá um saco.
  • 20/06/2020 by Tauan Fontoura

37

‘TIM Beta’ e ‘TIM Pré’ vão perder alguns benefícios

A Tim só tem um pouco mais de vantagem no pré pago, devido ter Facebook Twitter e Messenger e whatsapp, agora se começar a regular uso, com certeza a Claro vai ser o melhor plano. Tenho e não troco por nenhuma.
  • 02/07/2020 by Roberto Ramos

37

‘TIM Beta’ e ‘TIM Pré’ vão perder alguns benefícios

O TIM Black e os planos controle também sofreram essas medidas. Isso vai fazer a Claro roubar os clientes da TIM.
  • 02/07/2020 by Jefferson Rodrigues

COMENTÁRIOS RECENTES DE TODO O SITE

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
2 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Roberto

Kkkkkkkkkk
Novidade…!!!

Agora quebra as pernas de vez…

E que venha a China Mobile.

Cidade - UF
São Bernardo do Campo - SP
Vinícius Guerra

Desculpe, mas não deveria rir da situação da Oi, pois quem é cliente da empresa, não deve estar nada satisfeito, embora a Oi tenha muitos problemas, se ela tivesse fluxo de caixa, não estaria na situação que está.

Cidade - UF
Rio de Janeiro