Operadora Veek suspende oficialmente operações

Empresa alega “desalinhamentos técnicos e operacionais” com a Surf Telecom. Clientes atuais serão geridos pela Geek Celular ainda nesta semana.

Chip da operadora de celular Veek
Foto: Reprodução/YouTube (Di Alves)

Por meio de comunicado enviado aos clientes por e-mail, nesta terça-feira (23), a operadora de telefonia móvel virtual (MVNO) Veek informou que não funciona mais em parceria com a Surf Telecom. Utilizando a rede da TIM, a Surf Telecom era responsável por prover a estrutura de operação da Veek.

De acordo com o comunicado, o fim da parceria entre Veek e Surf Telecom se deu por causa de “diversos desalinhamentos técnicos e operacionais iniciados por problemas de recargas”. Todos os cerca de 1.500 clientes ativos da Veek passarão a ser atendidos definitivamente pela Surf Telecom já a partir desta quinta-feira (25).

Caso não queiram fazer parte da Surf Telecom, os clientes podem solicitar a portabilidade numérica para outra operadora de sua preferência, e continuar com o número do chip. “Nesse caso, a portabilidade será de ‘EuTV’ (e não Veek) para a nova operadora”, esclarece a empresa.

No mesmo comunicado, a Veek diz que não morreu, e voltará a operar no mercado de telefonia móvel até o final do ano. “Já estamos com foco total nessa nova etapa. Tudo está sendo feito pensando na melhor experiência para o nosso usuário e, até o fim de 2019, estaremos prontos para voltar com uma nova parceria que tenha mais a nossa cara, o nosso jeito, com uma proposta melhor, simples e justa”, alfineta a operadora.

Até o momento da publicação desta matéria, as redes sociais da marca ainda não repercutiam o comunicado que os clientes receberam por e-mail. O último post da Veek no Facebook, Instagram e Twitter é de 21 de janeiro. O site da operadora, bem como o blog que mantinha na internet, não estão mais disponíveis.

VIU ISSO?
–>
Surf Telecom quer fechar 2019 com mais de 1 milhão de assinantes
–>
UNI Global Telecom inicia operações no Brasil em agosto
–>
Veek é descredenciada pela Surf Telecom; entenda o que muda

A versão da Surf Telecom

Nós entramos em contato com a Surf Telecom, que se disse surpresa com a emissão do comunicado por parte da Veek, feito antes da data prevista para encerramento oficial da parceria (25/07). O diretor financeiro da Surf Telecom, James Lynch, garantiu por telefone ao Minha Operadora que os planos da Veek serão mantidos, assim como o número do telefone de cada cliente.

O nome da nova operadora será Geek Celular. De acordo com a gestora de MVNOs, somente a administração passará a ser feita pela Surf Telecom, e que, a princípio, nada muda de forma negativa para o consumidor final.

De acordo com Lynch, um aplicativo de autoatendimento com a marca Geek Celular já está sendo desenvolvido e será lançado pela Surf Telecom nos próximos dias, além de outras melhorias que deverão ser implementadas em breve.

Questionado sobre o argumento da Veek de que o fim da parceria se deu por causa de “desalinhamentos técnicos e operacionais iniciados por problemas de recarga”, Lynch negou essa versão. Segundo o CFO da Surf Telecom, existe uma notícia crime contra a Veek na Polícia Federal contra falsidade ideológica e estelionato. “A gente bloqueou a API do aplicativo Veek por conta de uma fraude”, esclareceu.

Como começou a briga entre Veek e Surf Telecom?

Apesar de o posicionamento da Veek ter saído só agora, o Minha Operadora adiantou desde o mês de abril que a operadora virtual não fazia mais parte da rede gerida pela Surf Telecom.

A Surf Telecom é controladora de diversas outras marcas de telefonia móvel virtual, entre elas Maga+ (do Magazine Luiza), GospelCel (uma operadora evangélica) e os Correios Celular. Com a chegada desses novos parceiros, principalmente depois dos Correios, a Surf Telecom passou a permitir que recargas de celular fossem feitas em pontos físicos, o que contrariava o modelo de negócio adotado pela Veek, de ser uma operadora 100% digital.

Por causa dessa discordância de modelo de negócios, a Surf Telecom bloqueou a API de recargas da Veek, dificultando que clientes conseguissem efetuar recargas. Só era possível inserir créditos na Veek por transferência bancária ou depósito. A Veek também deixou de entregar novos chips desde o início do ano.

A Veek também entrou com recurso junto à Anatel para que a agência reguladora obrigasse a Surf Telecom a desbloquear o sistema de recargas dela e voltasse a atendê-la, mas o processo foi arquivado. Você pode ficar por dentro de todo o clima de tensão entre Veek e Surf Telecom aqui.

[ATUALIZAÇÃO – 24/07/2019 14H29]:

Após a repercussão desta matéria, publicada pelo Minha Operadora, os responsáveis pela Veek entraram em contato conosco prestando novos esclarecimentos sobre a suspensão da operação da empresa. Segue a explicação enviada:

“Gostaríamos de dizer que houve sim desentendimentos entre a Veek e a Surf Telecom e as duas empresas procuraram medidas que acharam mais convenientes (não estão arquivadas), no ambiente adequado para serem discutidas e expostas.

Houve por parte da Veek a vontade de fazer essa transição de outra forma, com maior antecedência e informações oficiais, pensando no melhor para o cliente, mas a Surf Telecom não quis participar da construção deste momento.

Nosso foco agora é seguir para uma nova parceria em telecom, continuar aprimorando o modelo, tendo sempre o cliente como centro de tudo. Pensando na sua experiência, na simplicidade e facilidade para controlar seu consumo, estimulando o gasto consciente em telefonia acima de tudo.

Estamos muito perto de anunciar a nova parceira, maior, mais robusta, com mais tecnologia. Isso vai nos permitir oferecer um produto totalmente e cada vez mais dentro do modelo digital.”

A diretora de Arte e Branding da Veek, Lígia Furlan, reforçou ao Minha Operadora, por telefone, que a empresa estará de volta ainda em 2019.

About Vagner Santos
Entusiasta de Telecomunicações. Fundador do Minha Operadora, hoje um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecom do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
10 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários