segunda-feira, 1 de abril de 2019

Surf Telecom ativa rede 4G em alguns pontos de São Paulo

Conhecida por administrar diversas MVNOs no Brasil, a Surf Telecom lançará sua própria rede no segundo semestre.


A Surf Telecom, conhecida por sua atuação como MVNE - Mobile Virtual Network Enable, isto é, ela atua habilitando e credenciando que empresas possam oferecer serviços de telefonia, caminha para entrar no mercado para o consumidor final, com a sua própria rede. Recentemente a companhia ativou suas primeiras antenas 4G em São Paulo, cobrindo as cidades cidades de Diadema, Mauá e da capital paulista.

Os planos da Surf Telecom é iniciar a operação comercial de sua rede no segundo semestre de 2019. Além dos pontos citados acima a rede também terá cobertura em Guarulhos, Santo André e São Bernardo do Campo.


A companhia está mirando alto com a sua rede, que opera em 2.5 Ghz. Até 2020 serão investidos cerca de US$ 40 milhões na implantação. Serão mais de 20 mil antenas no estado de São Paulo, divididas da seguinte forma: 2 mil externas; 2 mil indoor e 16 mil microcélulas para intensificação do sinal. Huawei e Khomp, são os fornecedores de equipamentos.

VIU ISSO?


Em relação a sua atuação como MVNE, a Surf Telecom atende atualmente 8 MVNOs: Algar Telecom, Century Link, Correios Celular, Eseye, GoAudax, GospelCel, Veek e a Magazine Luíza, que é a mais recente - clique aqui para conferir uma matéria do Minha Operadora sobre os detalhes do seu plano pré-pago.


12 comentários:

  1. N sei em outros países, mas no Brasil não há vantagem nenhuma em utilizar Mvo, principalmente se for na rede da Tim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A tim tem a maior cobertura 4g do Brasil atualmente...qual o problema de uma mvno usar a rede deles? Imagino que para uma empresa, a disponibilidade seja importante.

      Excluir
    2. Eu que moro em Erechim, no interior do RS, por exemplo, em Erechim temos 4G da TIM, mas saindo da cidade, questão de 5 a 10 km, nas cidades vizinhas, zero sinal. Até a Oi pega, 2G, mas pega nas cidades pequenas com 4 mil habitantes. Aqui somos obrigado a usar Vivo, única com 4G nas cidades menores.

      Excluir
    3. Aqui a Tim funciona muito bem.

      Excluir
  2. Aqui no RJ não tenho do que reclamar da Tim. Cobertura e servoços, ok.

    ResponderExcluir
  3. Desde quando a Alçar Telecom é MVNO? A Algar já tá no mercado desde muito antes de a Surf Telecom ou o próprio conceito de MVNO nascer. Corrijam a matéria, por favor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Algar usa o serviço da Surf Telecom para disponibilizar cobertura nacional ao seu serviço de telecomunicações. A matéria, não está errada.

      Excluir
    2. A Algar Telecom MVNO vai operar primeiramente em Salvador, BA com Operadora Virtual através da Surf Telecom usando a rede da TIM

      Excluir
    3. Realmente a matéria não tá errada; a Algar Telecom está operando com MVNO da Surf para diminuir o custo com roamimg. Realmente mais interessante para a operadora. Talvez no futuro eles vendam planos de celular para o Brasil inteiro neste modelo. Deve vingar o projeto porque é só para as regiões que não há cobertura própria. Tem uma matéria do Tele Síntese que fala sobre isso:

      http://www.telesintese.com.br/surf-telecom-foi-a-celular-que-mais-cresceu-em-2018/

      Excluir
  4. Algar Telecom antigamente era a famosa ATL (Algar Telecom Leste). Suas operações foram vendida para Claro. Isso lá nos primórdios do celular no Brasil.
    Curioso é que eles nunca saíram do mercado de telecomunicações. Inclusive do mercado de celulares. Interessante saber que ela opera como MVNo

    ResponderExcluir
  5. Essas mvo nem uma presta, operadora virtual são tudo porcarias

    ResponderExcluir
  6. Peguei isso no facebook da veek.

    , entrei com uma queixa no Procon Municipal de Belo Horizonte/MG contra a VEEK e a Surf Telecom devido a problemas na recarga desde janeiro/2019 e referente às mais de 20 panes de rede registradas em 2018 nas áreas que frequentei.

    No dia do acordo nem a VEEK e nem a Surf Telecom mandaram resposta. Com isso, o procon encaminhou para audiência.

    Na audiência realizada hoje(12/04/19) apenas um representante da Veek compareceu deixando nos autos as seguintes situações:
    1 a Veek foi descredenciada pela surf telecom.
    2 desde 19/01/19 que a Surf telecom bloqueou o API de recargas da Veek pelo app.
    3 A Veek desde então não está distribuindo e entregando chip.
    4 A veek entrou com recurso na ANATEL solicitando que obrigue a surf telecom a voltar a atendê-los e liberar os serviços bloqueados.

    Ainda solicitou uma multa diária de 10mil reais em caso de descumprimento.

    Moral da história: a Veek não abre o jogo e clientes ficam a deriva.

    ResponderExcluir

Ao deixar a sua opinião no Minha Operadora você concorda em respeitar o nosso Código de Conduta.