sábado, 17 de novembro de 2018

CEO da Claro Brasil critica o modelo atual de TV por assinatura

O que você achou? 
Executivo comenta sobre a redução da base de clientes, empacotamento de canais e provedores que estão infringindo a lei com conteúdo pela internet.


José Felix, CEO do grupo Claro no Brasil, empresa que detém a maior base de assinantes de TV, se mostrou indignado com algumas questões do modelo de TV paga, pontuando alguns aspectos que ele considera extremamente necessários e que deveriam ser alterados, já que ele inclusive levanta a questão de concorrentes não estarem cumprindo a lei.

Em entrevista ao site Teletime, Felix comentou sobre alguns pontos. Os mais interessantes são o declínio da base de assinantes, a forma como alguns provedores estão lidando com a transmissão de conteúdo via internet, infringindo a lei e o famoso empacotamento de canais, que deveria ser revisto, com a aplicação de um novo modelo. 

"Limpando a base de clientes"

Dados recentes, divulgado pela Anatel, revelam que a Claro foi quem mais perdeu clientes entre agosto e setembro, redução de 25,4 mil clientes.

O executivo da Claro diz há uma decisão interna de "limpar" a base de clientes, e que não é possível ficar pagando programador e imposto para assinantes que trazem prejuízo, apenas para dizer sua base é maior que o concorrente. e base que desde o final de 2015 vem drenando o mercado de TV por assinatura no Brasil. "Resolvemos limpar a nossa base de assinantes. Não vamos pagar para ter gente na base. E a cada decisão desta alguém vai perder dinheiro. É um processo que está em curso e que vamos fazer mais, vamos propositadamente acelerar", declara o executivo.

VIU ISSO?


Provedores que infrigem a lei

Agora vamos para a questão, a forma do conteúdo distribuído pela internet. O CEO do Grupo Claro no Brasil faz duras críticas a certos provedores tradicionais de TV que estão partindo para a oferta de TV na internet. 

"Vejo Fox, Première, NFL, todo mundo indo direto para a Internet. Não está previsto em lei o que eles estão fazendo. Aliás, está previsto em lei: na Lei do SeAC. "Quer fazer? Precisa ser SeAC, com todas as obrigações. Se você está fazendo alguma coisa que está embaixo da legislação, tem que cumprir a lei. Pode gostar ou não (da lei), pode trabalhar para revogá-la, mas é a que existe e está sendo descaradamente infringida e ninguém fala nada"

Mas qual o problema de oferecer conteúdo na internet, isso não seria uma plataforma on demand? Felix destaca que ao contrário do que parece, esses casos não se comparam, por exemplo, ao Netflix e Amazon, serviços que o executivo defende o seu modelo de negócio.

No caso da Fox,Premiere e NFL, citado por Felix, não é uma oferta especial de programação, o que eles fazem é ofertar o mesmo conteúdo dos canais pagos, principalmente as transmissões ao vivo. Para resolver essa questão, o CEO da Claro diz que é preciso mudar a lei, mas enquanto isso não foi feito, não se pode fazer esse tipo de negócio.

A Claro já analisou juridicamente a questão, a conclusão é que se o conteúdo é linear, pela internet, o provedor teria que seguir as leis do SeAC.

Cliente, refém dos canais indesejados


Outro tema que sempre causa polêmica, a questão do empacotamento de canais. "O assinante quer contratar e pagar pelos canais que gosta. Pode inclusive pagar pela cauda longa, porque as pessoas têm gostos variados. Há canais de baixíssima audiência, mas que despertam o interesse de um público e precisam ser oferecidos, valoriza a nossa oferta. Mas do jeito que as coisas são hoje, não dá para fazer, porque somos obrigados pelo programador a levar um monte de canais para todo mundo, mesmo que o cliente queira só canal A ou B", diz o executivo. "Com isso eu empurro para o cliente um monte de canal que ele não quer, porque não tenho opção", pontua Felix.

O CEO da Claro ainda disse que certos canais nem deveriam existir, ou então que eles fossem sustentados por propaganda. A realidade vigente hoje, faz com que a TV por assinatura continue nas mãos das classes A e B. 

"São milhões de pessoas. Mas só quem pode pagar pelo modelo atual é a classe A e B. Há gente de classe C que paga porque adora, mas se o modelo fosse mais adequado, se teria muito mais assinantes."


38 comentários:

  1. Pelo que eu lir o cara tá preocupado com a concorrência na Internet e não é fazer algo diferente, o que eu vejo é cada dia mais gente falando de iptv paga 30 contos por mês e todo conteúdo , não sou a favor da pirataria mas tão menos dessas empresas que só querem nosso dinheiro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E fora que não basta assinar só a TV Paga. Se quiser ver filmes bons, tem que assinar o Pacote X. Se quer ver lutas, tem que assinar o pacote Y, Se quer ver futebol, tem que assinar o Pacote Z, deixando a assinatura muito cara. Depois reclamam das IPTV.

      A gente até quer ser honesto, mas eles também não colaboram.

      Excluir
    2. Eu vi de diferente ele querer ofertar os canais que o cliente quiser. Isso seria fantástico!

      Excluir
    3. Para QUERER OFERTAR ele tinha que FALAR COMO IRIA FAZER
      só comentou isso pq é o que ele faz
      Apenas isso
      Se tivesse preucupado ele falava que ia negociar
      Mas nem isso
      E mais esse papo de AeB não cola mais , pois eles não ficam mais em casa parado vendo TVs

      Excluir
  2. Por essa e outras questões que estou na iptv, chega de encher os bolsos destes sacanas, oferecem pouco por muitos, bem vindo IPTV, de preferência uma boa box kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Melhor encher os bolsos dos sacanas que roubam o sinal da operadora e não pagam nada de impostos, né não?

      Excluir
    2. O valor é 10x menos, você valoriza o seu dinheiro ou tem sobrando?

      Excluir
    3. Não tenho sobrando, mas quero continuar reclamando de corrupção sem ser corrupto

      Excluir
  3. com um rede velha e obsoleta que servia para a epoca do sinal analógico, nunca pensaram em investir em fibra otica, ta pode falar que a net usa fibra, mas to dizendo 100% fibra ate o cliente.
    Só querem ver o erro dos outros e nao olham pro proprio umbigo e ver no que podem melhorar.
    Comecando pelo call center que e o pior do mundo sem dúvida.

    ResponderExcluir
  4. A TV por assinatura é bastante cara, um produto praticamente de luxo neste país. As operadoras engessaram no modelo de comercialização, principalmente devido ao surgimento de opções mais baratas e que exigem apenas conexão pela internet. Os planos deveriam ser mais flexíveis dando acesso ao assinante apenas aos canais que ele quer. Tem também a questão da pirataria de TV, que aqui no Brasil é aceita pelo povo justamente devido ao alto preço dos pacotes de TV. Quanto ao IPTV, acho essa uma tendência sem volta para os provedores, pois com elas a pessoa pode assistir TV em qualquer lugar. Por isso, algumas produtoras de conteúdo na TV Paga estão partindo para a internet.

    ResponderExcluir
  5. Por isso a pressão para limitar dados banda larga... Serviços de pessima qualidade, e preços abusurdo ... Isso é Brasil meu povo...

    ResponderExcluir
  6. Até o pacote dos canais europeus são pagos a parte. Que anda na rua Santa Efigenia em São Paulo deparacom o Box para decodificar canais por 450 reais e pega todos os canais. Se a Net acabar com os pacotes vai ter myitmmais clientw

    ResponderExcluir
  7. Bem feito, essas operadoras bajularam tanto a Globo privilegiando sempre os interesses da Globosat, como retribuição a Globo foi lá e criou o Premiere para ser assinado pela internet sem depender de operadora, mas é muito bem feito. kkkkkkk Se querem mudar o sistema pra melhor que comecem olhando para o próprio umbigo, por exemplo, a questão da cobrança por pontos, se eu preciso de cinco pontos na minha casa eu sou obrigado a pagar pelo aluguel dos equipamentos, ahhh mas a operadora não é empresa de caridade, ela paga para manter esses equipamentos nas casa dos clientes, vai dizer o empresário. Que bom que você argumentou isso senhor empresário, é muito simples resolver isso, basta dar opção ao cliente de alugar ou comprar o próprio aparelho, a única que faz isso é a OiTV livre, exatamente por isso eu sou cliente dessa operadora e curiosamente a Oi é a unica que cresceu enquanto as outras estão encolhendo.

    ResponderExcluir
  8. Procurei todas as operadoras com a intenção de ver somente o que tenho interesse e todas elas falam a mesma coisa, ou seja te empurrar um pacote com um monte de canais, a grande maioria lixarada, canais de Música, canais abertos que eles consideram no pacote. Se você considerar essa lixarada toda já dá mais de 60 canais e aí você quer ver 5 0u no máximo 10 canais e tem que pagar por tudo o que você não vê mas é obrigado a pagar. Toda empresa de TV por assinatura e sacana é não tem interesse em corrigir o problema. A hora que mudarem de opinião me procurem e talvez seja assinante de uma delas.

    ResponderExcluir
  9. Estamos vivendo o momento GATOnet, IPTV, compartilhamento de rede. Lá no México deve ser igual ou pior .

    ResponderExcluir
  10. Se dependessem de mim essas operadoras de TV iriam passar fome. Cambada de safados.

    ResponderExcluir
  11. Muito caro tv por assinatura...sem qualidade um pacote simples vc paga 120 reais...fora que a Internet de qualidade não cobre todas regiões do país...por isso as classes b e c partem pro gato net

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Por isso q eu pago lista de IPTV q sai muito mais barato e tenho todos os canais. Sim a pirataria!!!

    ResponderExcluir
  14. Por mim vejo a hora dos chineses terem seu próprio satelite e mais IPTV pra cima DELES.

    ResponderExcluir
  15. O mais engraçado é ver o tamanho da ignorância das pessoas, o empacotamento não é feito pelas Operadoras de Tv e sim pelas Distribuidoras, que exigem das retransmissoras que sejam feitos os pacotes de acordo com os canais da sua grade de programação. Ou nunca reparam que os pacotes das Operadoras são quase identicos?! Vamos lá meu povo pensar não cansa nem gasta dinheiro. Quanto a aquisição da IPTV, não preciso nem falar que é ilegal, Ops estamos no Brasil, Terra de hipócritas e demagogos. Fácil é exigir que os políticos sejam honestos, quanto a população segue dando o mal exemplo de sempre. Brasileiros a maior vergonha do País.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você se acha esperto em pagar 100 canais muitos q vem engessados com canais de igrejas camara tv senado para realmente ver 5 ou 10 canais continue jogando dinheiro fora pois um pacote de 120.00 se torna 1500.00 no ano e os canais de filmes ou esporte q realmente interessa tem q pagar a parte num verdadeiro desrespeito com o consumidor prefiro o netflix e a minha smart tv q veio com muitos conteudos interessantes e tambem o youtube q está tudo de graca na net sem pirataria e por essas e outras q estão oerdendo cluentes e a tendencia dawui a 5 ou 6 anos é fecharem pra mum ja vao tarde tive por 10 anos esse lico chamado tv por assinatura

      Excluir
    2. Concordo com vc! vamos pagar o serviço pirata, por que o das operadoras é caro. E vamos reclamar dos políticos que estão lá só roubando! Hipocrisia por todos os lados.

      O povo que empresa privada está aí para fazer caridade. Elas querem é lucro, é para isso que existem. Se você não quer pagar, não gosta do serviço ou não pode pagar é só não contratar, simples. Mas não justifica roubar sinal da operadora.

      Mesmo ela sendo CEO do grupo Claro não é só ele querer vender os canais a parte, não é assim que funciona. São as programadoras que decidem os canais. vá reclamar com a Fox, globosat..., não é a operadora quem decide. Se está dando lucro do jeito que está, a programadora vai mudar por qual motivo?

      Não é querer ser espero, é ser honesto. Se acha certo roubar sinal d operadora, não venha reclamar que os políticos estão roubando dinheiro da saúde, educação...

      Menos hipocrisia por favor!!

      Excluir
  16. Adorei a última frase do seu comentário rsrs

    ResponderExcluir
  17. Louvar IPTV e condenar operadoras eh facil, mesmo que seja por despeito e/ou impotência.
    Os mais de cinco mil canais e filmes da IPTV, dependen da internet.
    Quem já, não passou raiva com o box auto-resetando no meio do filme, travando, aparecendo com data e hora esquisitas, playlist doida sem pé nem cabeça..quém?
    Sem contar com o provedor de internet (compartilhada, mais isso, nao é divulgado) que brilha pela incompetencia.
    Convenhamos.. é um saco!
    Confesso, já estive a ponto de pegar um martelo e fazer em pedacinhos, seja o controle, seja o box ou o receptor de sinais.
    Enquanto houver propina para os políticos, sempre existirá essa parafernália de opcoes esdrujulas, e nos, no meio desse paradoxo nojento!

    ResponderExcluir
  18. A claro sempre sacaneou os clientes na base! Forcando assinaturas, fazendo todo tipo de patifaria! Sou instalador e sei o que estou dizendo! Saia fora claro !

    ResponderExcluir
  19. Concordo com o Felix que o cliente deveria escolher os canais. Além disto, acho uma vergonha os canais de TV pago veicularem anúncios! A idéia de TV a cabo era de pagar para ter apenas programação.
    Até mesmo o anúncio exagerado de suas próprias programações, nos intervalos (vide History Channel, Discovery etc) é uma desconsideração pelo cliente que paga.

    ResponderExcluir
  20. Nois que tínhamos que montar nosso pacote não eles só tem merda .no que eles oferecem e uma sacanagem por isso acabei não uso mais eles agora só Netflix.

    ResponderExcluir
  21. O que eu não entendo e que ele como presidente da.maior empresa, não concordando com o modelo, não faz a.mudança na empresa DELE?!?
    O pré pago de celular foi criado pela CTBC ALGAR e.muito criticado pelas grandes. Não queriam vender pra pobre...mas a ALGAR foi la e convencer a ANATEL que TODOS podiam ter o serviço
    Não adianta.criticar o próximo, tem que inovar.

    ResponderExcluir
  22. 25.00 mês tenho 2000 mil canais viva IPTV abaixo tv assinatura cara respeito com nosso dinheiro

    ResponderExcluir
  23. Iptv e um saco,barato mais ruim de mais tive uma péssima experiência hoje só tô no netflix e amazon prime video,iptv trava toda hora,um saco,minha internet 15 megas não rolou esse lance de iptv,Só fiquei um mês com esse lance.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não cancelei minha assinatura de TV com a NET justamente por este receio; na região do meu bairro o sinal de TV aberta é péssimo, portanto tenho um combo na NET e estou satisfeito. Recentemente renegociei com eles, ficou ótimo!(120M + TV MixHD + Fixo) = R$ 188,00

      Excluir
  24. IPTV tenho a mais de 6 meses . Não me arrependo . Tem filme que não chegou na Netflix , já assistir. Eu acho que a claro tem que se reenventar, ser ousada , criar , acompanhar a evolucao e facilitar os serviços .

    ResponderExcluir
  25. Gente bora lá, não tem dessa que somos desonesto, o que acontece é muito claro, eles tem uma espécie de monopólio, os piores canais que eles venden e no plano mais baixo, esse plano a maioria dos canais são canais que não vemos, se quisermos ver algo melhor tem que pagar, não temos como fica pagando por porcaria, ainda mais com o preço absurdo que eles cobra. Se não fosse um absurdo não exisrieie pirataria, pirataria só existe quando um certo produto passa de um preço rasoaraz para um absurdo simples. Se custasse barato e entregassem o que reallenre oresta não teria pirataria.

    ResponderExcluir
  26. Uê, não falam aos 4 ventos q tudo q é privado é melhor.Sem roubalheira, cabide de emprego e livre concorrência? Kkk Tô só aqui esperando a privatização da Petrobras. As 4 ou 5 empresas que assumirem e o povo continuando a reclamar de preços altos, qualidade da gasolina duvidosa, salários do funcionários baixos e péssimo atendimento. É assim sai de uma tirania pública e se entra numa pior, a tirania privada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nós nunca vivemos uma competição de verdade aqui no Brasil portanto, você não pode tirar conclusões de livre concorrência assim como está. Nos EUA, por exemplo, você tem mais de 20,30 opções de escolha.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  27. E uma questao de tempo para perde mais clientes!Trabalhei 9 anos nesse grupo depois que esse CEO assumiu acabou com a claro!O mercado mudou muito, agora nao somos mais refem de operadoras e temos mais opção para escolher!

    ResponderExcluir

Ao deixar a sua opinião no Minha Operadora você concorda em respeitar o nosso Código de Conduta.