quinta-feira, 6 de setembro de 2018

Dona da Vivo irá distribuir R$ 2,3 bilhões a acionistas

O que você achou? 
Valor é referente ao lucro líquido da Telefônica Brasil no primeiro semestre deste ano.

A Telefônica Brasil, dona da Vivo, irá liberar R$ 2,3 bilhões em juros sobre capital próprio a acionistas da empresa. O valor já considera o desconto de impostos. A medida foi deliberada na última quarta-feira (5) pelo Conselho de Administração da companhia.

O valor é referente apenas ao lucro líquido do grupo no primeiro semestre deste ano.

A Telefônica pagará R$ 1,56 por cada ação ordinária. Para cada ação preferencial, o valor pago será de R$ 1,71

Lembrando que pessoas jurídicas e físicas tributadas terão 15% do valor retido na fonte pelo Imposto de Renda.

Os juros serão adicionados ao dividendo mínimo obrigatório do exercício social de 2018. No entanto, a medida ainda será votada em assembleia geral de acionistas, a ser realizadas em 2019.

LEIA TAMBÉM:


O crédito dos Juros Sobre Capital Próprio (JSCP) será realizado de forma individualizada a cada acionista, com base na posição acionária constante nos registros da Companhia ao final do próximo dia 17 de setembro

Após esta data, as ações serão consideradas “ex-juros”. O pagamento desse provento será realizado até o final do exercício social de 2019, devendo a data ser definida pela Diretoria da Companhia.

Os acionistas imunes ou isentos do imposto de renda, de acordo com a legislação vigente, deverão fazer prova de tal condição, até o dia 25 de setembro, junto ao Departamento de Ações e Custódia do Banco Bradesco.

Conforme o comunicado da Telefônica, “os valores por ação ordinária e preferencial de JSCP poderão sofrer ajustes futuros, até 17 de setembro de 2018, em função de eventuais aquisições de ações dentro do Programa de Recompra de Ações da Companhia para permanência em tesouraria, para posterior alienação e/ou cancelamento.”



Nenhum comentário:

Postar um comentário