Cliente não consegue cancelar linha na Claro e espanca atendente

Imagens em vídeo mostram momento em que o cliente parte para cima do funcionário da Claro, que havia lhe informado sobre prazo para cancelamento do chip.
Um atendente da Claro foi espancado por um cliente na manhã desta terça-feira (25), em um shopping de São Vicente, cidade do litoral de São Paulo. 
 
Ele se irritou porque não teria aceitado o prazo informado pelo funcionário para que pudesse cancelar uma linha da operadora, que seria de cinco dias. O vídeo mostra o momento em que o cliente parte para cima do atendente, o golpeando com vários socos no rosto:

 



De acordo com o Boletim de Ocorrência, o rapaz que agrediu o funcionário é na verdade filho da cliente, que havia ido até a loja pedir o cancelamento de sua conta e de seu chip. O BO ainda informa que, insatisfeita com a explicação para aguardar o prazo, ela ligou para o filho, que logo chegou na loja alterado.
LEIA TAMBÉM:
O funcionário da Claro foi levado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para o Hospital Municipal de São Vicente e ficou em observação após os golpes que recebeu. Ele já foi liberado e agora passa bem.
Quanto ao agressor, se justificou em depoimento dizendo que o atendente foi irônico ao prestar o atendimento.
A Claro repudiou em nota a agressão e disse que acompanhará a investigação, se necessário cobrando as autoridades policiais. “A operadora reitera que lamenta o caso e que está prestando a assistência necessária ao vendedor da loja”.
About Vagner Santos
Entusiasta de Telecomunicações. Fundador do Minha Operadora, hoje um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecom do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
73 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários