quarta-feira, 20 de setembro de 2017

TIM quer frequência de 3,5 GHz para o 4G

O que você achou? 
Operadora quer utilizar a frequência de 3,5 GHz no 4G, para facilitar a migração para a tecnologia 5G.


Durante o Painel Telebrasil 2017, o diretor de rede da TIM, Silmar Freire Palmeira, afirmou que a operadora espera que a Anatel libere a faixa de 3,5 GHz   para fazer os testes do serviço com a banda C satelital para a tecnologia 4G.

De acordo com o Mobile Time, o executivo explicou que a TIM quer facilitar a evolução para o 5G, utilizando o espectro no 4G. A empresa espera apenas que os equipamentos para os testes fiquem prontos para avaliar a possibilidade. 

O Conselheiro da Anatel, Leonardo Euler de Moraes, esteve presente no evento e destacou que a banda de 3,5 GHz é muito importante para o desenvolvimento da internet móvel no país. O parlamentar lembrou que a faixa e 2,3 GHz já é usada para tecnologia 4G.

A TIM já está preparando o caminho para o 5G. Em março deste ano, a operadora firmou acordo com a Nokia para atualizar 9 mil antenas ERBs (Estação Rádio Base) espalhadas pelo Brasil. 

Todas as antenas da companhia em São Paulo também passaram a suportam o 4,5g (LTE-Advanced) através de um refarming e da agregação de portadoras em seus equipamentos na região. 

LEIA TAMBÉM:


6 comentários:

  1. Ainda minha cidade não tem cobertura TIM. CEP:49514-000 Frei Paulo Sergipe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vi no mapa, sacanagem hein, cidade do lado já tem o 4G, mais acredito que liberando o 700mhz na sua região vai chegar sinal pra vc

      Excluir
  2. 3,5GHZ não vai ter alcance nenhum... Deveria deixar essa porcaria para o 4G atual e deixar o 700 para o 5G

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o 700 mhz é pra longo alcance e a latência será um pouco maior.
      o 5G vai vir pra mudar essa latência, porem será prejudicial a cobertura, vamos ver que os engenheiros preparam.

      Excluir
  3. Tanto se fala no 4G, mas aqui em Moiporá-Go sequer tem 2G, quanto mais 3G ou 4G, ambos são um sonho de consumo da região do qual a Tim sequer se importa.

    ResponderExcluir
  4. Deveria se preocupar em oferecer um sinal de qualidade estável para seus clientes, quase sempre cai o sinal quando não fica dias sem sinal no Interior de São Paulo.

    ResponderExcluir