quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Claro TV apresenta oferta de banda larga e telefone fixo

O que você achou? 
A operadora de DTH da Embratel, a Claro TV, anunciou  durante a ABTA 2013 (acompanhe detalhes sobre o evento), o Claro Combo, um produto que agregará telefone fixo e banda larga 3G (ou 4G) ao pacote de vídeo da Claro TV.

Trata-se de um roteador conectado à rede da operadora de celular Claro e que permite a oferta de telefone fixo, cria uma rede Wi-Fi doméstica e oferece uma conexão de Internet pela rede móvel. A exemplo de serviços fixos que já usavam a infraestrutura móvel, como o serviço TIM Fixo e Vivo Fixo, o modelo prevê mobilidade restrita, ou seja, não é possível mover o set-top pela rede da Claro, já que ela está vinculada a uma ERB específica. Essa limitação acontece por uma imposição regulatória. A Embratel|Claro TV, que é a responsável pelo serviço, está em processo de obtenção de uma autorização de uso do espectro para o STFC. A oferta combinada com a Claro TV prevê pacotes triple-play a partir de R$ 97,97 e franquias de uso que vão de 1 GB a 40 GB.

Segundo Antônio João Filho, diretor geral da Claro TV, trata-se de uma oferta importante para uma operadora de DTH que tem cobertura nacional, mas que não tinha, até aqui, como oferecer uma solução triple play. "Ainda há uma grande quantidade de pessoas que hoje assinam o DTH e que não têm banda larga ou uma opção de telefone fixo, e que agora passam a ter". A rede 3G da operadora chega a cerca de 1,2 mil cidades e deve chegar a cerca de 3 mil até o final do ano. O DTH da Claro TV está presente em todo o Brasil. O Claro Combo também será comercializado pelos parceiros instaladores.

A partir de setembro o serviço será lançado em Cuiabá e Várzea Grande, como teste, e depois se expande para outras cidades.

A Net também anunciou um acordo com a Claro em que passa oferecer planos que inlcuem telefonia celular. Esse é mais um passo que prova que a América Móvil pretende mesmo seguir caminho para um futura união dos serviços de todas as suas empresas no Brasil (Claro, Net e Embratel).

Nenhum comentário:

Postar um comentário