terça-feira, 30 de abril de 2013

Telefonica Deutschland está aberta à união com KPN

O que você achou? 
A Telefonica Deutschland informou que está aberta a avaliar a união com o negócio alemão da KPN, em um esforço para cortar custos e aumentar o poder de fixação de preços dos dois operadores de telecomunicações altamente endividados.

Telefonica e KPN, 3ª e 4ª maiores operadoras de telecomunicações da Alemanha, estão tentando reduzir a distância em relação aos rivais maiores, Deutsche Telekom e Vodafone, os quais detêm um terço do mercado cada.

"Se não houver opções, vamos examinar cuidadosamente. Temos a obrigação com nossos acionistas", disse o vice-presidente de estratégia da Telefonica Deustchland, Markus Haas, em uma entrevista, quando perguntado sobre uma fusão com a KPN E-Plus. Ele disse que conversas sobre o tema não estão sendo mantidas no momento.

A KPN não estava imediatamente disponível para comentar, mas o presidente-executivo Eelco Blok disse a analistas na semana passada que a empresa com sede na Holanda ainda estava interessada em cooperação no mercado alemão "quando, é claro, cria valor para nossos clientes."

A Telefonica e KPN já mantiveram conversas sobre a cooperação no mercado móvel alemão no passado. Um acionista da Telefonica Deutschland, que não quis ser identificado, disse que o momento para fusão é mais favorável que no ano passado, quando a operação falhou devido à crise econômica na Espanha.

"A combinação de duas redes na Alemanha pode trazer enormes sinergias, conforme mostraram exemplos de outros", disse Haas.

A Telefonica já compartilha redes com os concorrentes na Grã-Bretanha, México e Brasil (no nosso país ele passa a dividir redes com a Claro, empresa do grupo mexicano América Móvil).