terça-feira, 23 de abril de 2013

Hutchison Whampoa não se oporia à separação da rede fixa em processo de fusão com a Telecom Itália

O que você achou? 
A Hutchison Whampoa estaria interessada no negócio de telefonia móvel da Telecom Itália e não se oporia à separação da rede fixa da operadora, com quem negocia um processo de fusão. A posição da companhia, informada à Reuters por uma fonte familiar com o assunto, retiraria uma das barreiras para o avanço de um acordo entre as duas companhias: o impedimento dos agentes políticos.

A operadora italiana dona da TIM do Brasil e o conglomerado de Hong-Kong estão negociando, um processo que se encontra ainda em estágio inicial, uma fusão que levaria o segundo a deter 29,9% de participação na primeira. Para isso, a Hutchison Whampoa venderia a operadora italiana 3 Italia e ainda compraria ações de outras fontes, incluindo as da Telefónica (dona da Vivo no Brasil).

Como a Hutchison Whampoa, ao final do processo, seria controladora da Telecom Italia, alguns políticos italianos têm se mostrado contra a fusão por entenderem que as telecomunicações são um bem estratégico, mas a separação da rede fixa poderia desmontar este argumento.