11/07/2024

TIM abre inscrições do Programa de Estágio 2024 para preencher 145 vagas

Oportunidades são para alunos do ensino superior em áreas como tecnologia, análise de dados, gestão corporativa, engenharias, entre outros.

A TIM anunciou a abertura das inscrições para o seu Programa de Estágio 2024, denominado “Super Estags”. Ao todo, a iniciativa oferece 145 vagas distribuídas em diversas cidades do país em áreas de tecnologia, análise de dados, gestão corporativa, engenharias, finanças e negócios.

As vagas são direcionadas para os estudantes do ensino superior com previsão de formatura a partir de junho de 2026. Além da bolsa que varia entre R$ 1.530 e R$ 1.700, os selecionados terão benefícios como vale transporte, vale alimentação/refeição, seguro de vida, assistência médica e odontológica, smartphone com pacote de voz e dados, curso de inglês online, auxílio-creche e folga no dia do aniversário.

Além de estar cursando o ensino superior, de acordo com a empresa, entre os diferenciais dos candidatos para se destacar estão o gosto por desafios e colaboração, ter um perfil protagonista, mindset ágil e de aprendizado. As inscrições podem ser feitas no site Academia do Universitário, até 19 de julho.

A maior parte das vagas de estágio são para a sede da TIM, no Rio de Janeiro, mas há também oportunidades para São Paulo, Santo André, Recife, Curitiba, Belo Horizonte, Brasília, Aparecida de Goiânia e Belém.

O modelo de trabalho é no formato híbrido, com presença no escritório por três ou quatro dias na semana, e flexibilidade de até quatro dias presenciais para maximizar a aprendizagem, com acompanhamento de tutor e uma jornada de desenvolvimento customizada.

Durante o processo seletivo para as vagas de estágio, os candidatos passarão por dinâmicas e entrevistas ramificadas, com materiais exclusivos segmentados por área para melhor preparação e experiência mais fluida e dinâmica.

Diversidade

De acordo com a TIM, no processo seletivo de 2023, mais de 13 mil estudantes realizaram as inscrições, sendo que entre os que foram contratados, quase 30% se autodeclararam LGBTI+ e 56% pretas ou pardas. Maria Antonietta Russo, vice-presidente de pessoas, cultura e organização da operadora, destaca que a meta é atrair ainda mais talentos diversos.

“Nosso objetivo é capacitar os estagiários e estagiárias com foco nas profissões do futuro. Ao mesmo tempo, buscamos diferentes perfis, histórias e formas de pensar, contribuindo para uma cultura de diversidade em constante crescimento”, ressalta a executiva.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários