18/06/2024

Arena MRV planeja levar cobertura 4G e 5G para torcedores

Atual projeto de conectividade do estádio é destaque pela primeira vez no evento ‘Cisco Live’, em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Pela primeira vez em 35 anos, um projeto brasileiro foi apresentado no evento “Cisco Live”, em Las Vegas, nos Estados Unidos, principal conferência de tecnologia da empresa americana. O destaque foi para o plano de tecnologia da Arena MRV implementado pelo Atlético Mineiro SAF, Cisco e Nexa. Embora não tenha vencido, o projeto foi destaque na programação do evento.

Foto: Pedro Souza/Atlético

Baseada na solução Cisco Spaces, o projeto da Arena MRV, explica Leandro Evangelista, CIO do Atlético SAF, tem trazido resultados importantes dentro da jornada de conectividade do torcedor dentro da Arena MRV.

“Quando fizemos a licitação para contratar o parceiro, o projeto começou com uma consultoria da Accenture que nos ajudou a identificar a jornada do torcedor, o que a gente queria. A premissa é que além de uma grande experiência com conectividade, fosse possível gerar negócios”, explicou ele em entrevista.

Evangelista explicou que a arena foi o primeiro projeto no Brasil e um dos primeiros no mundo a usar solução de wi-fi de alta densidade. Tudo pensando em garantir mais conectividade ao torcedor alvinegro. “Hoje já temos um percentual médio de 50% dos torcedores acessando a nossa rede wi-fi em dias de jogos, enquanto a média no mundo é de 25% a 30%”.

Para o projeto de conectividade, a Arena MRV contratou duas operadoras locais: a Blink e a Sempre Internet, com capacidade do link de 40 Gbps, com abordagem dupla de cada uma das empresas. Atualmente, mais de 800 antenas de internet wi-fi atendem o público na Arena MRV.

Segundo o CIO do Atlético SAF a arena ainda tem a deficiência na cobertura de 4G e 5G que é um problema no estádio, mas essa é questão que depende de ampliações das operadoras de telecomunicações. Ele afirma que tem o plano de implementar as redes móveis até o final do ano, mas é um projeto independente, em desenvolvimento com a American Tower.

Muitos serviços da Arena MRV, como compra de bares, restaurantes, apresentação de ingressos nas catracas, estacionamento e até interação durante os jogos, são feitos por meio de aplicativo. “Mas acredito que o fato de que muitos serviços que oferecemos passem pelo uso do Wi-Fi colabora muito com a adesão“, diz ele.

FonteO Tempo
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários