21/07/2024

Google paga 36% da receita de anúncios ao Safari

Pagamentos bilionários e disputas nos bastidores entre Google e Apple durante o processo podem redefinir o mercado de tecnologia.

De acordo com Kevin Murphy, professor da Universidade de Chicago, o Google remunera a Apple com 36% de toda a receita proveniente dos anúncios de pesquisa veiculados no navegador Safari. Embora o Google tenha tentado manter essa informação confidencial, foi relatado pela Bloomberg que Murphy revelou esse percentual enquanto prestava depoimento em defesa do Google durante o julgamento antitruste contra a empresa.

Google

O Google paga uma quantia significativa para ser o mecanismo de busca principal em navegadores como o Safari e o Firefox. Em 2021, esse pagamento atingiu US$ 26,3 bilhões, sendo que US$ 18 bilhões foram destinados à Apple. A distribuição exata desses valores permaneceu confidencial, mas informações recentes indicam que o Google tentou manter esses detalhes em segredo durante um julgamento.

Durante o julgamento, o advogado do Google, John Schmidtlein, pareceu desconfortável quando o valor foi mencionado. Eddy Cue, representante da Apple, explicou anteriormente que a empresa buscava uma fatia maior da receita gerada pelo tráfego do Safari, mas acabou concordando com um valor menor do que o revelado no tribunal.

O julgamento em questão envolve acusações antitruste feitas pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos, que alega um monopólio de pesquisa por parte do Google. Essas acusações surgiram após uma investigação liderada por 50 procuradores-gerais dos EUA iniciada em 2019. O processo teve início em 12 de setembro.

O processo antitruste contra o Google é um grande caso que pode afetar bastante o mercado de tecnologia. A acusação diz que o Google usou sua posição forte no mercado de busca para prejudicar a concorrência e as pessoas. O Google defende dizendo que enfrenta concorrência de outros motores de busca, como o Bing e o DuckDuckGo, e que seus acordos com empresas de navegadores, como a Apple, são bons para os consumidores.

O julgamento ainda está acontecendo, e não há previsão para o encerramento. Mas a informação de que o Google paga à Apple 36% do dinheiro que ganha com anúncios no Safari é uma parte importante do caso.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários