21/04/2024

MiniCom e Anatel farão primeira ‘blitz’ da telefonia móvel em São Luís-MA

Durante a operação, uma viatura da Anatel irá medir a qualidade do sinal e taxa de download das faixas 4G e 5G de cada uma das teles.

Neste sábado (21), o Ministério das Comunicações (MiniCom), junto com a equipe técnica da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e representantes das operadoras de telefonia celular, dará início a uma operação (blitz) para avaliar a qualidade do sinal móvel no país, começando pela Grande São Luís (MA).

A iniciativa “Blitz do Monitoramento e da Inspeção da Qualidade do Serviço da Telefonia Móvel”, visa mapear zonas de sombra celular nas cidades para aperfeiçoar o serviço para a população e elevar o padrão de qualidade oferecido pelas operadoras nos municípios.

O ministro das Comunicações, Juscelino Filho, já havia afirmado que a iniciativa iria começar pelo Maranhão, para identificar as áreas de sombras, pois se reuniu com os parlamentares do estado no início de julho, com representantes das operadoras e Carlos Baigorri, presidente da Anatel, para cobrar a melhoria da rede móvel.

Estamos dialogando com as operadoras e os encaminhamentos desta reunião serão tratados também com elas, que estarão presentes por meio de representantes nessas blitzes, localizando os gaps e vazios que existem em alguns pontos da cidade e buscando melhorar a qualidade do serviço”, frisou o ministro na época.

Iniciando os trabalhos, na manhã do sábado, a partir das 9h, uma viatura da Anatel vai medir a qualidade do sinal e taxa de download das faixas 4G e 5G de cada uma das operadoras: TIM, Vivo e Claro. Quando a “blitz” for finalizada, será elaborado um relatório que será encaminhado à Secretaria de Telecomunicações do Ministérios das Comunicações (Setel/MCom), assim como para parlamentares e para as operadoras.

A operação será realizada nos seguintes locais: Avenida Litorânea (em frente à antiga Casa das Dunas); Itaqui-Bacanga (em frente à UFMA, próximo à UPA e ao Corpo de Bombeiros) e no Terminal de Integração Cohab/Cohatrac. Neste último ponto, o ministro Juscelino fará um balanço da ação para a imprensa ao final das medições.

1 COMENTÁRIO

Se inscrever
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais antigo
Mais recente Mais Votados
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários