28/02/2024

Anatel, operadoras e Defesa Civil fazem testes do novo alerta de desastres naturais

Instituições vão testar em algumas cidades, em diferentes estados, o novo sistema de alerta sobre desastres naturais.

O novo alerta de desastres naturais será testado pela Anatel – Agência Nacional de Telecomunicações, operadoras de telefonia e órgão de Defesa Civil na próxima segunda-feira, 16. 

Notificação de desastres naturais

Segundo a Anatel, esse novo alerta de desastre natural tem como objetivo aumentar o potencial de prevenção da população, além de ajudar a diminuir os riscos dos impactos das situações emergenciais. 

Atualmente, são enviados SMS (mensagens de texto) para a população que é cadastrada. O novo sistema vai enviar uma imagem sobreposta e destacada aos outros conteúdos na tela do celular. Além disso, essa imagem precisa de uma ação do usuário para ser fechada. 

Serão sete municípios em diferentes estados que vão passar pelos testes: 

  • Anápolis (GO)
  • Petrolina (PE)
  • Parauapebas (PA)
  • Juiz de Fora (MG)
  • Paranaguá (PR)
  • Angra dos Reis (RJ)
  • Petrópolis (RJ)

Além disso, o cidadão que tiver interesse em receber as mensagens precisa informar o CEP das regiões que têm interesse de receber informativo para o número 40199.

A Anatel explicou também, que nesta fase de testes a função será ativada de forma piloto nos sete municípios citados e para os alertas que forem classificados como graves. 

Em dezembro a tecnologia deve estar em vigor por todo o Brasil. Segundo o site G1, a previsão é o envio de alertas siga os seguintes requisitos:

não dependa de cadastro prévio dos consumidores, seja feito por geolocalização, alcançando os celulares das pessoas que estiverem, naquele momento, em região em risco;

que toque um alarme com aviso sonoro mesmo quando o celular estiver em modo silencioso;

que a mensagem apareça sobreposta à tela do aparelho celular, independentemente do conteúdo que estiver em uso.

No final do ano passado a Anatel anunciou que estava trazendo para o Brasil uma nova forma de avisar à população sobre os desastres naturais. A agência e os órgão de segurança pública querem que mais pessoas saibam com maior antecedência sobre os riscos de tragédias.

De tal forma pode ser mais fácil haver uma prevenção de consequências maiores que podem por em risco a vida de milhares de pessoas por causa de chuvas, enxurradas e situações semelhantes.

ViaG1
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários