27/02/2024

Highline compra 79 torres da Algar e expande sua participação no Brasil

Transação entre Highline e Algar Telecom reforça parceria que as duas empresas já firmaram há alguns anos, em meio a outra compra.

A Highline comprou 79 torres da Algar Telecom, o que fez com que houvesse expansão da sua atuação em diversos municípios pelo país, nos seguintes estados: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Bahia, além do Distrito Federal. 

Highline

A transação já foi aprovada pelo Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), instituição que fiscaliza grandes transações entre empresas, em diversos nichos da economia. 

Além das torres, a Highline também implementou 478 novos sites durante 2022. Assim, soma por volta de 6.000 torres por todo o Brasil. O CEO da empresa, Fernando Viotti, comentou sobre assunto, dizendo que a empresa está em expansão:

“Com o negócio, estamos dando mais um passo em nossa trajetória de expansão, tanto organicamente quanto por meio de aquisições”.

Highline e Algar são empresas parceiras, tanto que essa já é a segunda transação que as duas realizam. A primeira aconteceu há algum tempo, 2017, quando houve a aquisição de 125 sites. 

Viotti ainda acrescentou que eles estão seguindo com o compromisso de modernizar as telecomunicações do Brasil. E da mesma forma, continuam na busca de oferecer as melhores soluções para os clientes e ajudar no crescimento da conectividade no país. 

Essa compra reforça o planejamento estratégico da Highline, para ampliar seus esforços sobre a tecnologia de rede móvel de quinta geração, o 5G. A empresa segue fazendo novas parcerias focadas na nova tecnologia. Quem afirmou isso foi Carolina Vilela, diretora comercial. Confira a fala completa:

“Além de aquisições e da construção de novos sites, estamos fechando parcerias focadas no adensamento dessa tecnologia, que será crucial para as operadoras entregarem uma experiência de qualidade para os usuários”.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários