18/05/2022

Operadoras garantem ativar o 5G em Florianópolis a partir do fim de julho

TIM, Vivo, Claro e Unifique afirmaram que pretendem antecipar os prazos estabelecidos no cronograma da Anatel.

Em reunião da Comissão de Economia, Ciência, Tecnologia, Minas e Energia da Assembleia Legislativa realizada na última quarta-feira (20) as operadoras de telefonia móvel TIM, Vivo, Claro e Unifique e garantiram que a partir de 31 de julho Florianópolis será uma das primeiras capitais brasileiras a receber o 5G.

Para que isso aconteça, deve ocorrer a edição de decreto regulamentando a implantação de seis estações rádio base (ERBs) e a limpeza da faixa de 3,5GHz (faixa principal da nova rede móvel) até o final d e junho. Lembrando que para a limpeza de faixa, as TVs via antenas parabólicas antigas devem migrar para a banda Ku.

O resultado positivo da reunião foi comemorado pelo deputado Jair Miotto (União Brasil), presidente da comissão.

“A Alesc e a comissão são preponderantes neste processo de implantar o 5G no estado, à medida que conseguimos reunir todos os atores deste processo. Hoje, conseguimos algo inédito, a reunião destes representantes que garantiram a implantação da nova tecnologia. Com esse consenso, as coisas andam, e tudo está alinhado para que até 31 de julho tenhamos o 5G em Florianópolis”.

De acordo com Miotto, a quinta geração de internet móvel vigorando na Capital, várias empresas e órgãos públicos irão implantar a rede indoor, que manterá ambientes fechados. “Nós vamos ter uma antena indoor só para Alesc ofertando o 5G para os visitantes, funcionários e deputados”.

Os representantes das operadoras presentes na reunião garantiram todo empenho para implantar o 5G em Florianópolis e depois no estado. Eles afirmaram que estão se preparando para atenderem outras faixas as pequenas localidades, mesmo com o cronograma estabelecido pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), as empresa pretendem antecipar os prazos.

Estava presente também na reunião, Ivan Roberto dos Santos, assistente da Superintendência de Tecnologia da Prefeitura de Florianópolis, onde ele disse que o papel da Prefeitura é auxiliar as operadoras no processo de implementação do 5G e não criar obstáculos na parte da legislação.

“Foi aprovada uma lei específica para o 5G, no final do ano passado, e agora está sendo preparado um decreto e um chamamento público para serem instaladas as antenas de 5G no município”, enfatizou. “Estamos trabalhando junto com a Alesc para entender quais as necessidades das operadoras para que no mês julho tenhamos o 5G na nossa cidade, queremos ser rapidamente ser atendidos para ser uma das primeiras capitais do Brasil a adotar a nova tecnologia.”

Cronograma da Anatel para a implementação do 5G:

  • Até 31 de julho de 2022: para capitais e o Distrito Federal
  • Até 31 de julho de 2025: para cidades com mais de 500 mil habitantes
  • Até 31 de julho de 2026: para localidades com mais de 200 mil pessoas
  • Até 31 de julho de 2027: para municípios com mais de 100 mil habitantes
  • Até 31 de julho de 2028: para metade dos municípios com mais de 30 mil habitantes
  • Até 31 de julho de 2029: para municípios com mais de 30 mil habitantes
  • Até 31 de dezembro de 2029: municípios abaixo de 30 mil habitante

Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.

1 COMENTÁRIO

Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários