Consumo de dados no celular cresceu mais de 350% nos últimos 3 anos

No terceiro trimestre de 2020, o país registrou tráfego de 1,54 bilhão de GB em redes móveis.

Consumo de dados no celular cresceu mais de 350% nos últimos 3 anos

De acordo um levantamento realizado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o tráfego de dados em redes móveis registrado pelas operadoras cresceu 366,7% entre os anos de 2017 e 2020.

No primeiro trimestre de 2017, as operadoras registraram um tráfego de 0,33 bilhão de gigabytes.

Já no terceiro trimestre de 2020 o consumo atingiu 1,54 bilhão de GB, um tráfego 4,7 vezes maior em um período de cerca de três anos.

A taxa de crescimento aumentou em todos os trimestres dos últimos três anos.

VIU ISSO?

–> Vivo manteve liderança no mercado de telefonia móvel em 2020

–> Pesquisadores desenvolvem ferramenta para evitar congestionamento de redes

–> Banda larga cresce 9% no ano de 2020

Por outro lado, o tráfego de ligações de voz variou de 63,35 bilhões de minutos e 56,68 bilhões no mesmo período.

O volume de ligações de voz vinha apresentando uma tendência de queda nos últimos anos, mas apresentou crescimento no 3º trimestre do ano passado, o que pode ser explicado pelos efeitos da pandemia da Covid-19.

A receita auferida pelas operadoras com o tráfego de dados também se destacou nos últimos 3 anos.

No início de 2017, a Receita Média por Usuário (ARPU) no uso de planos de dados era de R$ 9,61.

A receita auferida nas ligações de voz também estava muito próximo desse valor (R$ 8,62).

Porém, três anos depois, a ARPU dos dados subiu para R$ 17,57 e o de voz caiu para R$ 5,03.

Ou seja, a receita de dados auferida pelas operadoras é mais que o triplo da receita das ligações de voz.

Em 2020, as operadoras registraram receitas de R$ 14,13 bilhões em serviços de dados e R$ 4,08 bilhões em ligações de voz.

Apesar da queda nas receitas durante o início da pandemia, as operadoras conseguiram recuperar o resultado no terceiro trimestre.

Os dados são do “Relatório de Acompanhamento do Setor de Telecomunicações – Telefonia Móvel referente a 2020”, publicação da Anatel que avalia o desenvolvimento da telefonia móvel no Brasil a partir da análise das quatro maiores prestadoras do serviço.

Com informações de Anatel.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
2 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários